Automania

Mulheres no Volante: tudo o que você precisa saber sobre óleo do motor

Confira dicas de troca do complemento mais importante do veículo

O óleo do motor é um dos complementos mais importantes do veículo, e exige um controle de uso rigoroso, ele é o responsável por lubrificar a unidade motriz do veículo. Na maioria dos casos de carros enguiçados e soltando fumaça nas grandes vias são resultado de uma manutenção precária, e daí a importância da troca do óleo.

O lubrificante precisa estar entre o limite mínimo e o máximo marcados na vareta, o excesso de óleo também faz mal, pois pode danificar peças e provocar vazamentos no motor. Cada fabricante determina o tempo de rodagem, que pode ser de 5 a 10 mil km.

É preciso determinar o tipo de óleo ideal para o carro. Existem quatro tipos: óleo mineral de base parafínico, óleo mineral de base naftênico, óleo mineral de base mista (semi sintético), e o óleo sintético.  Verifique o manual do seu carro.

Uma dica importante: muitas vezes os frentistas dos postos de gasolina conferem o óleo com o motor quente. Nesta situação, o lubrificante ainda não desceu todo para o reservatório, e isso dá a falsa impressão de que o nível está baixo.

Com o motor frio e em terreno plano, puxe a vareta do reservatório e verifique se o nível do óleo está entre o marcado mínimo ou máximo. Avalie a cor do óleo, que não pode estar muito densa. Se a manutenção estiver em dia e o nível está baixo, isso pode representar algum vazamento ou o óleo pode estar queimando no motor. Mas se a substância estiver clara e no nível correto, é só prestar atenção na quilometragem e rodar sossegado.

Para saber mais, acesse: www.dinamicarpneus.com.br ou ligue 4042-1828.

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie