Automania

Soluções inovadoras para o trânsito

Empresas de tecnologia apresentam propostas para uma melhor gestão da mobilidade urbana

Rio - As metrópoles precisam de soluções para fazer fluir o seu trânsito. Uma pesquisa feita pelo Ibope Inteligência, entre agosto e setembro do ano passado, mostrou que 52% dos entrevistados gastam pelo menos 2 horas por dia em seus deslocamentos em São Paulo, maior metrópole do país. Esse tempo parado provoca impacto na qualidade de vida das pessoas, no nível de poluição e na dinâmica da economia. Em outras cidades, como no Rio, a demanda por soluções de mobilidade urbana também é urgente. De olho nessa necessidade, já existem algumas tecnologias inovadoras que objetivam tornar mais inteligente e eficaz a gestão desse trânsito.

O tempo excessivo perdido no trânsito provoca impacto na qualidade de vida das pessoas, no nível de poluição e na dinâmica da economia Divulgação

De acordo com Paulo Santos, gerente de soluções da Axis Communications, a tecnologia pode ser a principal aliada dos governantes. Ele lista as principais apostas do mundo da tecnologia para a melhoria do trânsito nos próximos anos.

Leitura de placas

A leitura ou reconhecimento de placas é uma ferramenta capaz de identificar veículos que não atendam a uma exigência, como carros sem vistoria que podem quebrar com mais frequência ou poluir o ambiente em níveis fora do padrão. Também é possível criar um cinturão em áreas específicas, como no entorno do Maracanã, para que somente os carros de moradores possam circular ali em dias de jogo, por exemplo.

Controle de Semáforos

Em um cruzamento, os semáforos podem operar para que o trânsito flua de maneira mais inteligente. Câmeras de vídeo podem, além de registrar a via para fins de segurança, estar conectadas aos semáforos e atuar como sensores que detectam a presença de veículos e controlam o semáforo de acordo com o volume de veículos. Se não há mais carros passando, o sinal fecha nessa via e abre na outra, onde já se acumulam alguns veículos.

Estudos de Tráfego

É interessante saber o fluxo de veículos numa determinada avenida, se nela passam muitos ônibus e caminhões, entre outros. De posse de tais informações, é possível verificar se haveria melhora caso o sentido fosse invertido ou qual o melhor horário para realizar obras numa rua específica. Essas e outras questões dependem do conhecimento sobre o fluxo na região. E esse conhecimento pode ser embasado em dados concretos. As ruas mais estratégicas podem contar com estatísticas detalhadas do número de veículos a cada minuto para ações de curto prazo ou para um planejamento mais estratégico.

Faixas exclusivas

Em algumas avenidas, faz sentido criar faixas dedicadas exclusivamente a ônibus e táxis. Ou deixar os caminhões circularem somente nas faixas da direita. Ou, ainda, criar faixas para motos e bicicletas. Toda essa organização pode ser verificada pelas câmeras, em horários determinados pelos gestores de trânsito. A regra, por exemplo, pode ser válida apenas para determinados horários.

Monitoramento remoto

Muitas prefeituras que já possuem câmeras IP de alta resolução para apoiar a segurança estão usando os mesmos equipamentos para verificar o cumprimento de regras de trânsito, como o uso de cinto de segurança ou o uso de vagas para idosos, mesmo sem um agente de trânsito por perto. Caso um veículo estacione em local proibido, como numa rua movimentada atrapalhando o trânsito, o agente na central de controle pode dar zoom, verificar a placa e emitir uma multa. Além disso, as câmeras podem detectar automaticamente a ocorrência de um acidente, e dar um alerta imediato aos gestores. Isso reduz o tempo de interrupção da via.

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie