Ford lança versão do EcoSport com pneus à prova de furo

Nova versão Titanium não tem o estepe preso à tampa do porta-malas e conta com pneus do tipo RunFlat imunes a vazamentos. Modelo custa R$ 103 mil

Por Lucas Cardoso

Ford EcoSport 2020
Ford EcoSport 2020 -

Rio - Sabe aquela situação de perigo na estrada, quando o motorista percebe que o pneu furou em um local perigoso? O Ford EcoSport 2020 encontrou uma solução para evitar esse tipo de problema. O Titanium possui uma tecnologia que permite ao SUV rodar por até 200 quilômetros sem precisar parar, com pneus imunes a furos. A nova versão perdeu o estepe na tampa do porta-malas e mudou de motor. Com a nova tecnologia de segurança, chamada de Run Flat, a versão passou a custar R$ 103.390 (antes era R$ 96.990). O veículo trocou o motor 2.0 pelo 1.5, menos potente.

Além de agregar os pneus mais resistentes e seguros, a alteração da linha atendeu às sugestões dos consumidores. Segundo eles, o estepe externo deixa as rodas expostas a eventuais furtos. Os pneus ficavam desgastados devido ao clima. Com a mudança, também será possível facilitar a busca por vagas para estacionar. Entretanto, a quinta porta continua com o mesmo modelo de abertura lateral.

Sucesso no estande da Ford, no Salão do Automóvel de São Paulo, em 2018, a versão sem o estepe só é superada em preço pela configuração aventureira Storm (R$ 108.390).

Tecnologia inédita

Segundo a Ford, os pneus com a tecnologia Run Flat têm estrutura resistente para manter a roda longe do chão a uma velocidade máxima de até 80 km/h. A autonomia do componente pode ser ampliada de 80 quilômetros para 200 quilômetros com o kit de reparo que acompanha o EcoSport. A distância é o suficiente para que o motorista evite parar em lugares perigosos para a troca do pneu.

O kit de reparo, que funciona como um minicompressor, enche e sela o componente de maneira temporária. O sensor de pressão dos pneus por roda também é necessário para avisar quando há alguma perda de ar. De acordo com a Ford, o sistema torna desnecessária a presença do estepe e de ferramentas como macaco, triangulo e chave de roda. A tecnologia é inédita na categoria dos SUVs compactos.

Mais leve e mais compacto

Com as mudanças, a versão Titanium conseguiu 'emagrecer' o SUV em 13 kg e ficar 17,3 cm menor, em comprimento. Mas essa mudança da versão topo vai influenciar no bolso do proprietário quando houver a necessidade da troca dos pneus Run Flat. Segundo a Ford, os componentes devem custar na rede de concessionárias R$ 899 — os pneus tradicionais saem por R$ 663.

As versões Storm, SE e Freestyle continuam com pneus tradicionais e com o estepe preso à tampa do porta-malas. As duas últimas, com duas opções transmissão: automática de seis velocidades ou manual de cinco marchas.

Menos potência

Diferente da linha do ano passado, a versão Titanium utiliza o mesmo motor 1.5, capaz de render até 137 cavalos de potência. O propulsor está presente também nas versões SE,FreeStyle manuais e automáticas. Agora, o motor 2.0 de 177 cavalos de potência só está disponível para o EcoSport Storm, que possui uma tração integral do tipo 4WD.

Galeria de Fotos

Ford EcoSport 2020 Divulgação
Ford EcoSport 2020 Divulgação
Central multimídia instalada na versão Titanium traz o sistema Sync 3 com tela de oito polegadas FOTOS Divulgação
Ford EcoSport 2020 ford,ecosport,2020

Comentários