Hidratação é necessária no verão? Óleo corporal hidrata?

Dermatologistas esclarecem o que, de fato, promove hidratação na pele, além de dar dicas sobre ordem de aplicação de produtos e qual o melhor tipo para cada pele

Rio - No verão o corpo tende a perder mais água por conta do suor e, apesar de algumas pessoas pensarem que é só no inverno que devemos cuidar da hidratação da pele, é justamente por causa da alta temperatura que a hidratação se faz ainda mais necessária. É nessa estação que as pessoas ficam em contato praticamente direto com o cloro da piscina ou com a água do mar e tendem a tomar banho várias vezes ao dia — ações que contribuem drasticamente para a perda de água da pele. Além do mais, passar sabonete no corpo toda vez que for tomar banho acaba fazendo mal para a derme, pois retira toda a camada de oleosidade natural da pele. O ideal é passar sabonete apenas nas áreas que mais transpiram.

Hidratação da pele no verão é ainda mais necessária por conta do suor excessivo, principalmente na face Reprodução Internet

A melhor hora para passar um hidratante é assim que a pessoa sair do banho, recomenda a dermatologista Carlota Cesar, que atende na Clinica Marcia Linhares, em Ipanema. Segundo ela, é momento que os poros estão abertos e, com isso, a pele tende a ter uma maior absorção do produto.

"Hidratantes que tenham em sua composição lactácio de amônia, ácido hialurônico, ureia, vitamina E e manteiga de karité tendem a entregar um maior resultado de hidratação para a pele", explica dra Carlota.

Além dos joelhos e cotovelos, os pés são áreas que merecem uma atenção redobrada, já que é justamente por usar calçados mais abertos que a pele entra em atrito com o meio externo e fica mais grossa, pedindo uma hidratação extra. É comum nessa estação vermos rachaduras principalmente no calcanhar. Produtos à base de ureia são ótimos para hidratar essas regiões.

A dermatologista Letícia Chiara, que atende na Tijuca, na clínica LeDerme,  explica que hidratantes mais espessos são indicados para peles mais ressecadas, produtos em loção tem uma melhor espalhabilidade, fazendo com que  absorva mais rapidamente na pele. Já as pessoas com mais idade precisam de hidratantes mais potentes, explica ela.

Apesar de serem práticos, hidratantes aerosóis — nova febre nas prateleiras — não servem para resolver problemas de pele muito ressecada. Eles são recomendados mais para um pós praia, pós piscina, já que são leves e não causam muito atrito na pele.

No calor, pessoas tendem a ficar mais tempo no mar, o que contribui mais ainda para a perda de água no corpo Reprodução Internet

Óleo não hidrata

"Hábito comum entre as brasileiras, o óleo corporal não hidrata a pele", ressalta Chiara. Esse tipo de produto apenas forma uma barreira para não deixar a água do corpo ir embora. Por isso o toque macio.

"O ideal é que a pessoa passe óleo no banho, enxague e, em seguida, passe o hidratante". É importante ressaltar que os hidratantes de banho não possuem a mesma eficácia que os hidratantes comuns, como manteigas ou os mais fluidos.

Peles oleosas também precisam de hidratação, principalmente no verão Reprodução Internet

Ordem dos produtos na rotina diária

Ambas as dermatologistas contaram que é muito importante aplicar os produtos de cuidados com a pele na ordem certa.

Os cremes de tratamento para a área dos olhos e face são aplicados primeiro. Isso vale para ácidos prescritos por profissionais, séruns e cremes. Logo em seguida vem o hidratante de sua preferência e por último, o filtro solar. Um dos produtos mais importante nos cuidados com a pele. O filtro vem antes mesmo do repelente. Ele é a última etapa dos cuidados faciais.


 

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie