Fernanda Souza comemora sucesso da segunda temporada de seu programa

Aos 33 anos, Fernanda Souza não quer ser exemplo de nada, mas acha bom que os fãs se identifiquem com seus defeitos e qualidades

Por O Dia

Fernanda SouzaDivulgação

Rio - Fernanda Souza, de 33 anos, nunca gostou muito da posição de exemplo, ou de que tem que ser perfeita e acertar em tudo na vida, com cabelo perfeito, corpo invejável e roupa impecável. Quem a assiste no Multishow e a segue nas redes sociais sabe disso.

“Me coloco nessa posição mais humana como artista porque acho que é bom as pessoas se identificarem com suas qualidades e seus defeitos. Acho muito sério as pessoas te olharem e acharem que você é perfeita, e eu não sou. E faço questão de afirmar isso: não sou perfeita, não sou feliz o tempo inteiro. Também tenho tristeza, tenho crise. Vou para minha terapeuta, trabalho isso dentro de mim e quero ser um exemplo de ser humano que acerta e erra”, diz a apresentadora do ‘Vai Fernandinha’, do Multishow, cuja segunda temporada encerra neste sábado.

TRABALHO GOSTOSO

Quando soube que a atual temporada do programa teria nove episódios a mais do que a primeira, Fernanda Souza tirou algumas conclusões. “Com certeza fazer mais episódios é mais difícil por conta do volume de trabalho, de ideias que tem que ter, da agenda dos conviados. O que é maravilhoso é que o programa fica mais tempo no ar, ganha mais um dia na semana, o sábado, e as pessoas ganham mais gargalhadas, mais mensagens positivas. Dá trabalho, mas é gostoso de ser feito”, explica.

BALANÇO E NOVA TEMPORADA

O ‘Vai Fernandinha’ é um ponto de encontro entre a apresentadora e seus convidados. Na temporada de estreia eram muitos amigos, mas desta vez foi além. “Tem gente que eu conhecia, outros que eu não conhecia pessoalmente, outros que eu não tinha tanta intimidade, ou que conhecia só de ‘oi’”, lembra. A fórmula de conversa descontraída aliada a brincadeiras e o sucesso entre o público — a atração fica entre os assuntos mais falados do Twitter, mesmo depois de ter sido exibida — deram gás para uma terceira temporada, que está em negociação.

Fernanda Souza comemora sucesso da segunda temporada de seu programaDivulgação

“Ter Claudia Raia no meu programa é o meu maior sonho. A gente brinca que não sou filha de barriga, mas de coração. Também gostaria de ter o Thiago Abravanel, o Tiago Leifert e a Marília Gabriela. Acho ela incrível”, diz.

DIRETO DE SÃO PAULO

A nova edição do programa deve ter outra novidade. “A gente pensa em mudar o local de gravação. O programa é muito feito em cima da minha realidade, da minha vida. Como estou morando em São Paulo, nada mais justo do que fazer o programa na capital. Porque acho que ele fica mais verdadeiro”, conta a também atriz, que é paulistana e morou 18 anos na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.

A decisão de mudar para a capital paulista veio com uma junção de fatores. Começou quando ela conheceu o marido, o cantor Thiaguinho, e voltou a frequentar a cidade. “E minha sobrinha (Isabeli, de 5 anos) está crescendo e gosto de passar o fim de semana com ela”, argumenta ela, que teve apoio do marido. “No casamento, as duas pessoas têm que entrar em comunhão”, frisa.

O casal já está no novo endereço há três meses. “Gostamos dessa rotina de São Paulo, e eu já sabia que ia amar até porque é minha cidade. O Thi não é daqui, é do interior de São Paulo (Presidente Prudente). Sei que vou ficar com saudade do Rio, mas acho que foi um bom momento e uma boa hora para voltar”, conta. “De repente, não vamos ter mais o visual do mar ao fundo, mas vamos ter uma paisagem mais urbana, o pôr do sol lindo de São Paulo, uma paisagem diferente, e que tem a ver com a realidade que estou vivendo”.

ATRÁS DO SONHO

Afastada das novelas desde ‘A Regra do Jogo’, em 2015, Fernanda teve o aval da Globo para desenvolver a vocação de apresentadora iniciada quando criança, em 1992, e resgatada no ‘The Voice Brasil’, em 2014. “Bati na porta do Guilherme Zattar (diretor do Multishow), que é o meu chefe. Falei para ele que queria ter um programa de TV e que a Globo me liberou para vir para o Multishow enquanto não faço novela. Ele perguntou que tipo de programa eu queria, eu não sabia, disse que poderíamos inventar. Aí, ele falou que gostava como eu me comunico no Snapchat (rede social de vídeos curtos), que tem muito a ver como os apresentadores do canal se comunicam e o próprio canal se comunica”, conta.

Fernanda Souza com Renata%2C Aretha%2C Francis e Gisele (à dir.)%2C as ex-‘ChiquititasDivulgação

O retorno à teledramaturgia ainda não está na agenda. “Nunca vou deixar de ser atriz. São muitos anos fazendo novela, me senti livre para escolher apresentar. Foi um momento muito prudente de me reinventar e apresentar mais uma nova proposta para as pessoas”, diz ela, que está em cartaz com o espetáculo ‘Meu Passado Não Me Condena’, em São Paulo.

SILVIO SANTOS

Em junho, Fernanda esteve no SBT para participar do quadro ‘Jogo das Pistas’, do ‘Programa Silvio Santos’. Estava acompanhada do marido.

“Foram 18 ou 19 anos que não ia lá. Quando desci da van e olhei para o lado, lembrei de eu pequena fazendo novela, o teste de ‘Chiquititas’ (exibida em 1997, no SBT). Aquilo tudo me deu um frio na barriga”, recorda.

O reencontro com Silvio Santos a deixou emocionada. “Foi delicioso, tremi na base sim, porque ele é um exemplo de coragem, perseverança, inteligência, alguém que sabe conduzir e reinventar uma emissora durante anos. Ele me chamou de Mili (personagem da atriz em ‘Chiquititas’) em vários momentos. A coisa mais fofa do mundo”. 

Últimas de Celebridades