Economia

Coluna do Servidor: SindJustiça vai ao CNJ e STF

Representantes tentarão conversa com a presidente do Supremo

Rio - Representantes do SindJustiça vão hoje a Brasília para falar com conselheiros do CNJ e também com a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia. “Estamos tentando mediação do CNJ junto ao TJ sobre a nossa greve e levaremos documentos que mostram desconto de servidor em recesso”, explicou um dos diretores, Ramon Carrera.

Ramon, que é do Muspe, tentará ainda uma conversa com a presidente do STF. “Queremos apontar que as contrapartidas estão sendo dadas. O funcionalismo está há três anos sem reajuste”.

Assembleia da Polícia Civil no dia 16

A Coligação dos Policiais Civis do Estado do Rio (Colpol-RJ) fará assembleia na próxima segunda-feira, às 19h, no Club Municipal. A categoria discutirá as ações que pretendem realizar para cobrança de pagamentos atrasados, como o 13º salário, horas extras e metas.

A entidade colocou na pauta ainda a deliberação de estratégias para barrar o avanço das medidas do pacote de austeridade do governo, entre elas o aumento da alíquota previdenciária de 11% para 14% e o congelamento de gastos.

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie