Pelo menos seis concursos estão com inscrições abertas no Rio

Últimos dias para inscrições nos processos. Remuneração chega a R$ 4.180

Por EDDA RIBEIRO*

Concursos no Rio ainda têm inscrições abertas
Concursos no Rio ainda têm inscrições abertas -

Rio - A semana começa com oportunidades para quem quer virar servidor público: cerca de seis concursos estão com editais em aberto, com remunerações que chegam a R$ 4.180. São três processos para diversas áreas de Nível Médio, Técnico e Superior nas Forças Armadas, com mais de 1 mil oportunidades. No Rio, mais quatro processos podem garantir vagas para candidatos que estão se preparando. Especialista recomenda organização semanal, com a tradicional planilha, além de aulas via YouTube.

Terminam hoje as inscrições para pleitear uma vaga na Universidade Federal Fluminense (UFF). Através do https://www.coseac.uff.br/concursos/uff/2019/, interessados podem tentar uma das 190 oportunidades a serem distribuídas em nove municípios. Entre elas, há exigência de Nível Médio Técnico e Superior. Na mesma página, está disponível o quadro de vagas. Os salários chegam a R$ 4.180,66.

Até dia 22 é possível se inscrever no concurso da Secretaria Municipal de Educação. São 1.652 vagas para professor adjunto, com foco na Educação Infantil, e podem concorrer professores com formação Normal Superior e Pedagogia. Os selecionados devem ocupar uma das 11 Coordenadorias Regionais de Educação, em diferentes bairros. Os salários chegam a R$ 3.061, com carga de 40h semanais, além de vale alimentação e vale transporte.

As inscrições são feitas pelo site https://www.rio.rj.gov.br. Com prazo final no dia 25, os inscritos devem pagar uma taxa de R$ 80 para validar a participação.

Há também oportunidades na Defensoria Pública do Estado (DPE), com inscrições abertas até 6 de março. Para fazer inscrição, o interessado deverá acessar, via internet, o endereço eletrônico www.fgv.br/fgvprojetos/concursos.

A taxa para Nível Médio é de R$ 65, para disputar cargos de Técnico Médio de Defensoria Pública; para Técnico Superior Jurídico ou Especializado, o valor é R$ 85. O salário chega a R$ 3.949,47.

Forças Armadas

O Comando da Aeronáutica convoca interessados para o Exame de Admissão ao Estágio de Adaptação à graduação de Sargento do ano de 2020 (EAGS 2020). São 183 oportunidades disponíveis que se encontram nas seguintes especialidades: Eletrônica (30); Administração (40); Enfermagem (45); Eletricidade (14); Informática (20); Laboratório (5); Obras (8); Pavimentação (8); Radiologia (5); e Topografia (8). Candidatos de Nível Médio e Técnico podem concorrer.

As inscrições podem ser feitas até amanhã pelo site https://ingresso.eear.aer.mil.br/, com pagamento da taxa de R$ 60 para confirmar a participação no processo.

Para Nível Superior, a Força Aérea Brasileira (FAB) abriu seleção com mais de 220 vagas para a primeira turma do Curso de Formação de Sargentos (CFS), com ingresso previsto para janeiro de 2020. As inscrições terminam no dia 19 de março, através do cadastro pelo https://ingresso.ciaar.aer.mil.br . A taxa é de R$ 130, e as provas escritas estão previstas para o dia 2 de junho.

Ainda nas Forças Armadas, quem quiser seguir carreira na Marinha do Brasil tem 1 mil chances à disposição para Aprendiz de Marinheiro, com inscrições através do link www.inscricao.marinha.mil.br/ até dia 13. Após cadastro de dados, o candidato deve pagar o boleto no valor de R$ 42 até dia 20 deste mês.

Concurso certo e estudos na mira

Professor da Escola de Negócios da Celso Lisboa, Mauro Felix orienta que para garantir o foco nos estudos sem perda de tempo é preciso escolher processos e concursos com que o candidato já tenha proximidade. “A ideia é aproveitar aptidões e conhecimentos já adquiridos na vida profissional e acadêmica”.

Outro método de escolha são os benefícios e possibilidades de crescimento. Segundo Felix, as oportunidades nas Forças Armadas, como na Marinha do Brasil, garantem que o candidato possa avançar de cargo.

Mauro Felix: "É preciso organizar planilha de estudos para focar" - Divulgação

Além disso, revela que é possível ser ‘concurseiro’ mesmo que não tenha tempo integral nos livros e apostilas. “Boa parte dos candidatos aprovados são os que também tinham outro emprego antes do concurso, até com horários de 8h de trabalho por dia”, completa. Mesmo com poucas horas, ele acredita ser possível uma aprovação, contato que o plano de estudos seja bem elaborado.

“Para os estudos em casa, o YouTube é o que mais vale a pena”, acrescenta Felix. Para as matérias mais comuns exigidas nas provas, canais interessantes são: Prof. Noslen, que ensina Língua Portuguesa, o canal do Descomplica (https://www.youtube.com/user/sitedescomplica) e o do Prof. Rafael Procopio, ministrando aulas de Matemática (https://www.youtube.com/user/matematicario)”, explica.

Mais de 2,5 mil chances

Além dos concursos, candidatos podem tentar uma vaga na triagem que acontece amanhã no Sinttel. A Comunidade Gerando Vidas vai encaminhar 450 pessoas para empresas interessadas. Fiscal de loja, açougueiro, peixeiro, estoquista, repositor, entre outras oportunidades serão oferecidas. O atendimento é na Rua Morais e Silva 94, Maracanã, e começa as 10h.

Os iniciantes no mercado de trabalho podem disputar uma das 236 chances de estágio na Fundação Mudes, através de cadastro no site https://www.mudes.org.br/. Outro caminho é através do CIEE, que está com 1.869 vagas em aberto para estagiários e Jovem Aprendiz. A seleção é pela interenet em https://portal.ciee.org.br/.

*Reportagem da estagiária, sob supervisão de Martha Imenes

Galeria de Fotos

Concursos no Rio ainda têm inscrições abertas Arte O DIA
Mauro Felix: "É preciso organizar planilha de estudos para focar" Divulgação

Comentários