Washington Rodrigues: Gre-Nal deu mole

Internacional e Grêmio tropeçaram em jogos em que eram os favoritos

Por O Dia

Renato Gaúcho é técnico do Grêmio
Renato Gaúcho é técnico do Grêmio -

Rio - Em mais uma prova de que esse campeonato está achatado, fazendo curtas as distâncias entre os mais bem colocados e os piores, Internacional e Grêmio tropeçaram em jogos em que eram os favoritos. O Internacional, na arrogância, saiu na frente e tomou a virada do combalido Sport, na Ilha do Retiro, perdendo por 2 a 1 e deixando escapar a chance de alcançar naquele momento a liderança. O técnico Odair Hellmann saiu do estádio bufando e botando fumaça pelas orelhas. O Grêmio, no seu estádio, com sua torcida fazendo festa, foi surpreendido pelo Bahia que abriu 2 a 0 e só chegou ao empate graças a um daqueles pênaltis 'made in Brazil' no final do jogo e com o adversário jogando com dez jogadores desde os 9 minutos do segundo tempo, quando Jackson foi expulso. A vitória levaria o Grêmio à vice-liderança, mas Renato Gaúcho acabou de mãos postas, agradecendo aos Deuses do futebol pelo inesperado empate. Palmeiras vai de velas ao vento.

ESSA JOGADA NINGUÉM VIU

Essa aconteceu no jogo em que o Palmeiras venceu o São Paulo por 2 a 0 e poderia ter goleado. O time comandado por Felipão deu um passeio diante de um São Paulo apático, mesmo dentro do Morumbi, sem padrão e aceitando a superioridade do adversário. Aos 9 minutos do primeiro tempo aconteceu o lance do jogo. O goleiro Sidão se enrolou na reposição de bola, Deyverson tocou e Sidão espalmou evitando o gol, mas fora da área. O árbitro não viu, bandeira não viu, e nem o da linha de fundo não viu. Vergonha.

PEDALADAS

Zebras à parte, o Fluminense está na obrigação de ganhar hoje à noite, no Maracanã, do lanterninha Paraná e chegar aos 37 pontos ganhos, o que abriria uma chance para começar a brigar por uma vaga na Libertadores. E o time de Marcelo Oliveira ainda vai muito bem, obrigado, na Copa Sul-Americana.

Botafogo x Vasco de amanhã será mais do que briga por posição na tabela do Brasileiro. Vale também momentos de paz. Vale lembrar que o Vasco está no Z-4.

BOLA DENTRO

Trabalho do Enderson Moreira no comando do Bahia precisa ser destacado. Superou criticas na chegada, vai se afastando da zona de rebaixamento e briga na Sul-Americana.

BOLA FORA

São Paulo descendo a ladeira com a diretoria custando a abrir o olho. Diego Aguirre repete os erros que o levaram a fracassos anteriores e só a torcida parece perceber.

Comentários

Últimas de A Palinha Do Apolinho