A Palinha do Apolinho: Vencer ou vencer

Por

Marcelo Oliveira manterá o esquema com três atacantes para o jogo de hoje contra 
o Bahia
Marcelo Oliveira manterá o esquema com três atacantes para o jogo de hoje contra o Bahia -

Rio - Já são sete jogos consecutivos sem vitória, mais de onze horas sem fazer um golzinho e será com essa estatística terrível que o Fluminense vai a campo nesta quinta à noite, no Maracanã, para tentar eliminar o Atlético-PR e conseguir uma vaga na final da Copa Sul-Americana. A tarefa se torna mais difícil porque entra perdendo por 2 a 0, resultado de Curitiba a favor do Furacão, e, para quem enfrenta esse incômodo jejum, ganhar por três gols de diferença parece impossível. O que o técnico Marcelo Oliveira terá que passar aos jogadores é que estatísticas não entram em campo, que cada jogo tem a sua própria história e que caberá a eles desfazer esse feitiço. O maior problema do Fluminense nem é a seca de gols, é a qualidade do adversário. O Atlético-PR cresceu muito da metade do ano para cá, tornou-se uma equipe bem estruturada, compacta e objetiva, tanto que saiu da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro para brigar na parte de cima da tabela.

 

Comentários

Últimas de A Palinha Do Apolinho