Após atrasos de salário, Gabriel rescinde contrato com o Botafogo

Volante entra na Justiça e dá adeus à equipe carioca

Por O Dia

Rio - O Botafogo sofreu mais uma perda nesta segunda-feira. Gabriel, revelado na base da equipe carioca, entrou na Justiça e rescindiu seu contrato com o Alvinegro. Em nota oficial, o advogado do atleta, Dr Rui Fernando Almeida Dias dos Santos Júnior, explicou o real motivo da saída do jogador, que tem como principal fator o atraso de salários por parte do clube.

Gabriel lutou%2C demonstrou raça%2C mas não conseguiu evitar o segundo rebaixamento da história do BotafogoAle Cabral

“Após algumas conversas com o atleta, seu pai, e seus empresários, foi tomada a decisão de ajuizar Reclamação Trabalhista contra o Botafogo, visando, liminarmente, à rescisão indireta do contrato de trabalho com base no atraso dos depósitos do FGTS, bem como ao recebimento de todos os valores devidos pelo clube. Após a distribuição da ação, o que ocorreu no dia 08/12/14, foi proferida decisão liminar determinando a rescisão indireta do contrato de trabalho firmado entre o atleta e o clube. A própria justiça do trabalho já encaminhou ofício à CBF para que a instituição tome as providências necessárias no sentido de anotar a rescisão do contrato, deixando o atleta livre para se transferir para outro clube."

Gabriel tinha contrato com o Botafogo até o fim de 2015. O volante, que é cria do clube, foi um dos mais abalados pela queda do Alvinegro à Série B do Campeonato Brasileiro. Com 22 anos, suas principais conquistas pela equipe foram o Carioca de 2013 e a vaga na Libertadores de 2014.