Botafogo

Botafogo amarga empate com o São Paulo e tem vaga na Libertadores ameaçada

Na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro, o clube alvinegro volta a campo, no próxima dia 27, para a partida contra o Palmeiras

São Paulo - Na tentativa de amenizar a tensão com a torcida e visando a permanência na zona de classificação para a disputa da Copa Libertadores de 2018, o Botafogo foi até o Pacaembu, neste domingo, para enfrentar o São Paulo. Em uma partida sem grandes emoções, as equipes ficaram apenas no empate, por 0 a 0, e o time alvinegro tem vaga para o torneio continental ameaçada.

São Paulo e Botafogo ficaram no 0 a 0 no Pacaembu Rubens Chiri/saopaulofc.net

Com 52 pontos, o Alvinegro caiu para a 6º colocação na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. Se o Vasco vencer o Atlético-PR, em Coritiba, ele passa o Botafogo, que ficará fora da zona e classificação para a Libertadores. Já o time paulista, está com 46 pontos, permanecendo 12º lugar.

No próximo domingo, o São Paulo vai até ao Paraná para jogar contra o Coritiba, às 17h, no Couto Pereira. E no dia 27, às 20 horas, o Botafogo volta a campo para a partida contra o Palmeiras, em São Paulo.

O JOGO

1º tempo

A partida começou de forma movimentada mas com poucas chances de gol. O primeiro lance perigoso veio dos pés de Rodrigo Pimpão, que roubou a bola de Bruno Alves, invadiu a área e bateu para defesa do goleiro Sidão.

O São Paulo trocava passes com lentidão e pouca objetividade, sem ameaçar o adversário carioca. Mas aos 10 minutos o tricolor paulista tentou responder com Lucas Fernandes, que invadiu livre a área pelo meio e pediu, mas Igor Rabello cortou o passe de Marcos Guilherme. 

O lance mais perigoso da primeira etapa aconteceu aos 19 minutos. Shaylon arriscou o chute de fora da área, mas o goleiro Gatito Fernández se esticou e foi buscar no ângulo, espalmando para fora.

A equipe alvinegra abusou dos erros de passes e tanto o time carioca quanto o clube paulista priorizaram a marcação e pouco criaram durante todo o primeiro tempo de jogo.

2º tempo

O Botafogo tentou pressionar o São Paulo no começo da segunda etapa. Leo Valencia cruzou, Pimpão ajeitou para Rodrigo Lindoso que veio de trás e bateu de primeira, mas o zagueiro Bruno Alves conseguiu salvar o tricolor.

Aos 5 minutos, Lucas Fernandes avançou em velocidade, cortou a marcação, chutou da entrada da área e Gatito defendeu, evitando que a equipe paulista abrisse o palcar no Pacaembu.

O árbitro atrapalhou sem querer a saída de bola do goleiro do São Paulo, e o volante Rodrigo Lindoso tentou um golaço do meio da rua por cobertura, mas Sidão conseguiu voltar a tempo e evitar o gol do Botafogo.

Edimar deu um bolão para Lucas Pratto, que invadiu a área sozinho e chutou colocado na saída de Gatito, mas carimbou o poste. Essa foi a melhor chance da partida.

A partida foi movimentada, mas os dois times erraram muitos passes e pouco criaram neste segundo tempo.

FICHA TÉCNICA

São Paulo 0 x 0 Botafogo

SÃO PAULO - Sidão, Éder Militão, Bruno Alves, Rodrigo Caio, Edimar, Jucilei, Petros, Lucas Fernandes (Cueva), Marcos Guilherme, Shaylon (Júnior Tavares), Lucas Pratto (Gilberto). Técnico: Dorival Júnior.

BOTAFOGO - Gatito Fernández, Arnaldo, Igor Rabello, Joel Carli, Victor Luis, Rodrigo Lindoso, Bruno Silva (Gilson), João Paulo, Leonardo Valencia (Marcos Vinícius), Rodrigo Pimpão, Guilherme (Brenner). Técnico: Jair Ventura.

CARTÕES AMARELOS - Joel Carli, Bruno Silva e João Paulo (Botafogo); Petros e Gilberto (São Paulo)

GOLS - 

ÁRBITRO - Wilton Pereira Sampaio

RENDA - R$ 635.360,00

PÚBLICO - 23.745 pagantes / 25.711 presentes

LOCAL - Pacaembu.

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie