Botafogo lamenta empate no clássico, mas vê evolução

Invicto há quatro jogos no Brasileiro, Glorioso terá novo confronto direto com o Ceará

Por

Matheus Fernandes vê a fase atual como decisiva para o time alvinegro
Matheus Fernandes vê a fase atual como decisiva para o time alvinegro -

Rio - O ponto conquistado no empate em 1 a 1 com o Vasco, no Nilton Santos, não foi o que o Botafogo queria. Tanto assim, que o risco de queda para a Série B do Campeonato Brasileiro aumentou um pouco. Mas o Alvinegro teve o domínio do jogo e vive seu melhor momento sob o comando de Zé Ricardo. Na segunda-feira, terá outro confronto direto para tentar fugir da degola, desta vez contra o Ceará, fora de casa.

Após um início complicado com o treinador, o Botafogo está há quatro jogos sem perder no Brasileiro, com dois triunfos (América-MG e Vitória) e dois empates (São Paulo e Vasco). No período, o time mostrou tímida evolução, tendo marcado oito gols.

Na opinião de Matheus Fernandes, esse é o momento-chave da competição para escapar o quanto antes da degola. "Todo jogo é final. E agora mais do que nunca por estarmos perto da zona de rebaixamento", destacou o volante, que elogiou o avanço do próximo adversário na competição: "O Ceará teve um crescimento grande no campeonato e joga bem no contra-ataque. Precisamos ficar atentos para voltarmos com um resultado positivo".

Para a partida, Zé Ricardo espera poder contar com o retorno do volante Jean, que está em fase final de recuperação de lesão na coxa esquerda. Por outro lado, quem ainda não poderá ser relacionado é o apoiador Leo Valencia, que segue em tratamento de lesão na panturrilha direita. O chileno não joga desde 20 de setembro, na derrota por 2 a 1 para o Bahia, pela Copa Sul-Americana.

A mudança forçada que o treinador será obrigado a fazer entre os titulares fica por conta do lateral-direito Marcinho, suspenso por ter levado o terceiro cartão amarelo no clássico contra o Vasco. Luis Ricardo será o substituto.

SUB-17 VENCE POR 12 A 1

Avassalador, o Botafogo aplicou goleada de 12 a 1 sobre o Paysandu, pela Copa do Brasil. Gabriel e João Cardoso fizeram três gols cada. Na partida de ida, o Alvinegro havia vencido por 1 a 0. O adversário nas oitavas de final será o Coritiba.

Comentários