Após cancelamento da concessão, Bandeira diz que Flamengo pode administrar o Maracanã

Presidente ainda falou sobre o mau estado do gramado

Por O Dia

Bandeira de Mello é o presidente do Flamengo
Bandeira de Mello é o presidente do Flamengo -

Rio - Na última terça-feira, a Justiça do Rio de Janeiro determinou o cancelamento da concessão do Maracanã. A decisão surpreendeu o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello. Apesar disso, o dirigente afirmou que o clube carioca tem a possibilidade de assumir a administração do estádio.

"É um desejo do Flamengo e do contribuinte carioca. Sinceramente, não vejo solução melhor. É uma notícia que saiu agora, pegou todos de surpresa. Vamos avaliar, mas o Flamengo sempre estará à disposição", afirmou Bandeira em entrevista à Fox Sports.

O mau estado do gramado do Maracanã chamou a atenção de todos na partida entre Flamengo e Corinthians, nesta quarta-feira. Bandeira de Mello foi mais um a fazer críticas.

"O gramado realmente está horrível. Não tem desculpa. Temos que continuar cobrando. A expectativa que todos temos agora é que o gramado pare por algum tempo. Só jogaremos contra o Atlético-MG porque os ingressos já estavam sendo vendidos, mas depois ficará um bom tempo (sem uso). O gramado será reparado para voltar a estar à altura dos jogos do Flamengo", finalizou.