Vasco

Base decide, Vasco bate a Ponte Preta e garante a vaga na Libertadores

Paulinho e Mateus Vital fizeram os gols da vitória do Gigante na Colina

Rio - Seis anos depois, o Vasco está de volta à Libertadores da América. E na fase de grupos. Em São Januário, a equipe carioca derrotou a Ponte Preta por 2 a 1 e se garantiu na sexta colocação no Brasileirão. O resultado coloca o clube de São Januário na fase preliminar da competição.

A vitória vascaína foi construída com nervosismo. Apesar dos dois gols de vantagem, o Gigante teve momentos de dificuldade. Dois jovens foram decisivos. Paulinho e Mateus Vital fizeram os gols do time da casa em São Januário.

Vasco garantiu a classificação para a Libertadores Márcio Mercante / Agência O Dia

O JOGO

O primeiro tempo entre Vasco e Ponte Preta foi de muita tensão. Precisando do resultado, o clube carioca tentou desde o começo ter o domínio da partida, mas tinha muitas dificuldades. A Macaca teve algumas chances de sair na frente em contra-ataques, mas perdeu as oportunidades.

Ainda nervoso, o Vasco saiu na frente aos 27 minutos. Após levantamento de Nenê, Paulinho apareceu para concluir e colocar o clube carioca em vantagem em São Januário.

Antes do intervalo, o clube carioca ainda teve a chance de ampliar. No entanto, o Cruzmaltino perdeu a oportunidade. Madson foi derrubado por Jeferson. Na cobrança, Nenê carimbou a trave de Aranha.

O segundo tempo começou com mais equilíbrio. A primeira oportunidade foi da Ponte Preta. Danilo Barcelos quase empatou em uma cobrança de escanteio. Logo depois, o Vasco respondeu. Evander teve boa chance, mas Aranha evitou o segundo.

O torcedor vascaíno bastante nervoso em São Januário pode ter um momento de alívio aos 28 minutos. Pikachu fez boa jogada e tocou para Wellington. O volante finalizou e no rebote, Mateus Vital apareceu para fazer o segundo gol da equipe carioca na partida.

A Ponte Preta ainda fez o seu gol. Aos 43 minutos, Lucca cobrando pênalti diminuiu para os visitantes, dando números finais ao confronto em Campinas.

FICHA TÉCNICA
VASCO 2 X 1 PONTE PRETA

Local: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Rafael Traci (PR)
Renda: R$ 1.178.345
Público: 20.714 pagantes (22.076 presentes)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Luciano Roggenbaum (ambos do PR)
Cartões amarelos: Anderson Martins, Paulinho, Gilberto, Nenê (Vasco). Jeferson, Marllon, Lucca, Nino Paraíba, Elton (Ponte Preta)
Cartões vermelhos: Não houve
Gols: Paulinho, aos 27 minutos do primeiro tempo. Mateus Vital, aos 28, e Lucca, aos 43 minutos do segundo tempo.

VASCO: Martín Silva, Madson (Eder Luis), Paulão, Anderson Martins e Gilberto; Wellinton, Evander (Jean), Pikachu, Paulinho e Nenê (Mateus Vital); Andrés Ríos. Técnico: Zé Ricardo.

PONTE PRETA: Aranha, Nino Paraíba, Marllon, Luan Peres e Jeferson; Wendel (Naldo), Elton, Léo Artur (Felipe Saraiva) e Danilo Barcelos (Claudinho); Lucca e Léo Gamalho. Técnico: Eduardo Baptista

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie