Líder do movimento 'Vem Pra Rua' é flagrado batendo ponto sem trabalhar

Vídeo foi feito em 2013 e mostra Armando Fontoura, então funcionário do vereador Luiz Emanuel, saindo de Câmara

Por O Dia

Espírito Santo - Um dos organizadores do movimento "Vem Pra Rua" no Espírito Santo foi flagrado por câmeras de segurança da Câmara Municipal de Vitória batendo ponto de presença e indo embora sem trabalhar. O fato aconteceu em março de 2013, mas o vídeo só foi "vazado" nesta semana. Nas imagens, Armando Fontoura, de 23 anos, aparece vestindo bermuda, sandálias e óculos escuros. O movimento "Vem Pra Rua" foi um dos responsáveis pelos protestos contra a corrupção em todo o Brasil.

Vídeo mostra líder do movimento 'Vem Pra Rua' batendo ponto e indo embora da Câmara de VitóriaReprodução

Em janeiro de 2013, Armando Fontoura foi nomeado assessor parlamentar do vereador Luiz Emanuel e pediu demissão em março do mesmo ano por "divergências partidárias". Em nota publicada em sua página no Facebook, o jovem pediu desculpas à sociedade e aos militantes do PSDB e afirmou que o vereador Luiz Emanuel foi o responsável por induzi-lo ao erro.

Ele alegou que estudava de manhã quando foi contratado pelo vereador, então teria sido orientado pelo parlamentar a sair da faculdade, bater o ponto, ir almoçar e voltar para a Câmara. Armando afirmou que após se desligar voluntariamente do gabinete de Luiz Emanuel, passou a ser "perseguido" pelo parlamentar.

Armando Fontoura se desculpou em nota na sua página no FacebookReprodução / Facebook

"Em março de 2013, me desliguei voluntariamente do gabinete do Vereador Luiz Emanuel, devido a divergências partidárias e programáticas com o mesmo e, desde então, passei a ser alvo de dezenas de investidas de sua pessoa e de sua equipe no trabalho partidário que realizava. (...) Em janeiro deste ano, me foi enviado em tom de ameaça e intimidação um vídeo em que eu aparecia batendo o ponto na Câmara de Vitória em março de 2013, dizendo que se eu não recuasse de minha intenção de formar uma chapa para disputar o diretório de Vitória do PSDB, esse vídeo seria repassado para a imprensa", escreveu Armando em sua página no Facebook.

"Cometi um erro em 2013 que me serviu de lição e me fez refletir e intensificar meus esforços no combate à corrupção administrativa. E nessa reflexão, compreende-se cada vez mais que o político ser honesto é obrigação moral, um pré-requisito, não virtude que o diferencia dos demais", afirmou na rede social.

Neste domingo, Armando foi eleito secretário-geral do PSDB da capital, pela chapa 2 – "De Volta ao Pulsar das Ruas".

Últimas de _legado_Brasil