Serviço permite monitorar conta do FGTS pela internet

Depósitos e até desvios podem ser fiscalizados sem custo pelo trabalhador. Saiba como

Por O Dia

Rio -Trabalhadores com carteira assinada e conta vinculado do FGTS têm agora como acompanhar por meio do computador de casa saldo e depósitos feitos pelo empregador no Fundo de Garantia. A Caixa Econômica Federal lançou ontem serviço online que permite ao empregado acessar pela internet extrato online, pedir para receber saldo por e-mail e no celular, além de atualizar endereço. As informações podem ser obtidas nos sites www.caixa.gov.br e www.fgts.gov.br.

O banco também viabiliza consultas em terminais de autoatendimentoDivulgação

Também é possível ver quanto recebeu de rendimento ou abono do PIS e do seguro-desemprego nos últimos 25 anos. “Estimamos que deverão ocorrer mais de 2 milhões de acessos ao novo serviço até o fim de 2013”, afirma gerente nacional do FGTS da Caixa, Henrique José Santana.

A iniciativa de facilitar o acesso às informações, segundo Santana, visa também permitir que o trabalhador acompanhe e fiscalize da sua própria conta do FGTS. Assim, existe a possibilidade de evitar fraudes no pagamento do fundo e nas parcelas do seguro-desemprego.

Até agora, esses serviços podiam ser feito nas agências do banco e parceiros contratados pela Caixa para consulta de saldo em terminais de autoatendimento. Nos últimos 12 meses, foram enviados mais de 300 milhões de extratos do fundo para as casas dos trabalhadores.

Para fazer a consulta, os empregados precisam cadastrar uma senha e, assim, verificar as informações. Após preencher formulário online, o sistema habilita um código proposto pelo próprio trabalhador que será usado na hora de acessar os serviços.

Caso opte pelo recebimento das informações por torpedo, o trabalhador terá, gratuitamente, mensagens enviadas para o celular cadastrado. São repassados os valores dos depósitos mensais feitos, o saldo atualizado com juros e correções monetárias, a liberação de saque e outras movimentações.

Com esse serviço, ele deixa de receber extrato de papel em casa bimensalmente.

SAIBA COMO CRIA A SENHA

DADOS CADASTRAIS
Para criar a senha que será usada pelo trabalhador via internet, é preciso informar dados cadastrais. O empregado entra em www.caixa.gov.br ou www.fgts.gov.br e clica em Caixa — Serviços Online.

MAIS INFORMAÇÕES
O trabalhador deve procurar o campo Mais Informações. Ao clicar em um dos serviços que deseja (Saldo, Extrato, Atualização de endereço, Saldo do FGTS via celular, Mensagens via celular, Créditos complementares) será remetido para a página em que vai preencher os dados para gerar a senha.

TERMO DE CADASTRO
É preciso digitar número do PIS, no campo Cadastrar Senha. Aceitar os termos propostos e em seguida preencher o nome completo do trabalhador e de sua mãe, o número do Título de Eleitor e, por fim, complementar com um código de segurança. De posse da senha, o trabalhador terá acesso aos serviços.

SEM EXTRATO DE PAPEL
Quem opta por receber as informações do FGTS por celular ou pelo e-mail não terá mais o envio para para casa do extrato impresso. A Caixa manda duas mensagens por mês: uma referente ao recolhimento regular e outra que mostra o crédito de Juros e Atualização Monetária. No último ano, o banco postou mais de 300 milhões de extratos do FGTS. Enviou ainda mais de 50 milhões de torpedos.

TERMINAIS ELETRÔNICOS
Além dos extratos, o banco viabiliza consultas de saldo nos terminais de autoatendimento.

Últimas de _legado_Economia