Daniela Alvarenga: Armadilhas da beleza

Estamos em plena era do “vale tudo para ficar sarado e bonito”. Vale mesmo?

Por O Dia

Rio - Há pouco tempo, o cantor Netinho foi parar no CTI por causa de grave hemorragia no fígado. Os médicos que o atenderam acreditam que ele tenha tomado anabolizantes, droga usada para aumentar a massa muscular, que pode provocar sérios problemas hepáticos. Transferido para o Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, Netinho continua em estado grave. Casos como o do cantor são cada vez mais comuns. Estamos em plena era do “vale tudo para ficar sarado e bonito”. Vale mesmo?

Milagres não existem. A busca desenfreada pela beleza tem seu preço. Quase sempre muito alto. O segredo para conquistar um corpo e rosto bonitos está na prevenção, na disciplina, no cuidado diário e com orientação médica. É assim que conseguimos manter a aparência jovem e com saúde. Não é isso o que todo mundo quer? Hoje, sabemos que a melhor maneira de retardar o envelhecimento é começar cedo os cuidados com a pele, com cremes e tratamentos recomendados pelos especialistas.

Não é pecado querer ter aparência sempre jovem e bonita. Mas isso tem que ser feito com critério. E sem falsas promessas. Ainda não foi descoberta, por exemplo, a cura para estrias, cicatrizes de acne, rugas profundas, flacidez ou celulite. Existem, sim, tratamentos bastante eficazes para atenuar esses problemas. As estrias não vão desaparecer. Mas ficarão bem mais discretas.

Especialistas também têm parcela de culpa, como os que abreviam o tempo das consultas dermatológicas, preocupados em encaminhar o paciente para procedimentos estéticos mais lucrativos. Mas a tecnologia hoje disponível, capaz de proporcionar peles cada vez mais jovens e sem manchas de sol ou ruguinhas, não pode fazer com que o bom dermatologista ignore os procedimentos clínicos. Nada justifica realizar tratamentos com botox ou laser e deixar passar verrugas, micoses ou câncer de pele. É preciso continuar avaliando a saúde do paciente como um todo. O dermatologista não pode ser confundido com um esteticista. Nós somos médicos.

Pós-graduada em Clínica Médica e Dermatologia pela Santa Casa de Misericórdia do Rio

Últimas de _legado_Opinião