Memória do Dia

A Região do Cais do Valongo

.

Parada de ônibus da Companhia de Transportes Coletivos do Rio (CTC), em 1989, época da foto, a área na Rua Barão de Teffé é hoje Patrimônio Mundial da Unesco desde 2017. O Cais do Valongo, na Região Portuária, era a porta de entrada de escravos africanos no Brasil. Hoje, sem o cumprimento de exigências determinadas pela Unesco, a região está correndo o risco de perder o título de Patrimônio.

Ag. O Dia