Memória do Dia

Julgamento Simbólico de Simonal

Memória segunda

Wilson Simonal (à esquerda) participava de um evento em fevereiro de 1971, no auge do seu sucesso, um ano antes de ser condenado por agressão ao seu contador. Nesse período, foi acusado de ser informante do Departamento de Ordem Pública Social (Dops), de São Paulo, o que levou ao declínio de sua carreira. Em julgamento simbólico, em 24 de setembro de 2003, a Comissão Nacional de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) declarou a inocência do cantor.

Ag. O Dia