Rio

Polícia Civil e MP fazem operação contra desvio de combustível da Transpetro

Denominada de 'Ouro Negro', a ação tem o objetivo de cumprir 11 mandados de prisão preventiva e 26 de busca e apreensão

Rio - O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (Gaeco-MPRJ) e a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) da Polícia Civil fazem uma ação contra quadrilha que desviava combustível e petróleo dos dutos da Transpetro, na Baixada Fluminense, para revenda ilegal. Denominada de “Ouro Negro”, a ação tem o objetivo de cumprir 11 mandados de prisão preventiva e 26 de busca e apreensão.

De acordo com o MP, apenas no ano passado, o grupo desviou quase 14 milhões de litros e causou um prejuízo de R$ 33,4 milhões à companhia. Além do Rio, os mandados de prisão serão cumpridos em São Paulo e Minas Gerais.

Os denunciados são acusados dos crimes de organização criminosa para a prática de furto qualificado de combustível e de petróleo cru. Segundo a denúncia, os suspeitos atuaram entre junho de 2015 e março deste ano, utilizando a técnica da trepanação, que consistia na instalação de uma derivação clandestina na tubulação perfurada sem que haja a necessidade de fechar o abastecimento do produto. As ligações clandestinas foram instaladas em vários terrenos em Caxias, Magé, Nova Iguaçu e, até mesmo, próximo ao Arco Metropolitano.

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie