Rio

Polícia recupera aparelhos roubados de empresa de TV a cabo

Eles responderão por receptação, associação criminosa, estelionato e porte de munição de uso restrito

Polícia apreendeu modens, decodificadores, cadernos de anotações e cartuchos Divulgação

Rio - Policiais da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) recuperou dezenas de aparelhos roubados da empresa NET, nesta quarta-feira, na Rua Joaquim Máximo Soares, em Nilópolis, na Baixada Fluminense. Dois suspeitos também foram presos no local. Leonardo Barros Gabriel, de 39 anos, conhecido como 'Leo da Net', e Robson Moura Lourença, de 30 anos, vão responder por receptação, associação criminosa, estelionato e porte de munição de uso restrito.

Segundo as investigações, a DRF identificou que a dupla retirava os modens e decodificadores da empresa Eletrolinda, prestadora de serviços para a NET, por meio de contratos fraudulentos criados em nome de terceiros. Depois, o serviço era oferecido e cobrado aos clientes da NET.

De acordo com a polícia, produto ofertado era cortado por falta de pagamento. Com isso, os clientes eram obrigados a adquirir novos contratos fraudulentos para continuar tendo o serviço. Com os suspeitos, os agentes apreenderam 39 decodificadores, 16 modens, rolos de cabos e bobinas, dezenas de contratos da NET em nome de terceiros, cadernos de anotações das fraudes com as cobranças ilegais de 'gatonet', duas munições e dois cartuchos.

Em depoimento, Robson disse que era apenas “funcionário” da quadrilha, atuando especificamente na manutenção e instalação do “gatonet”, já que anteriormente foi técnico terceirizado. A polícia afirmou que Leandro disse que só vai se pronunciar em juízo.

Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie