Rio

MP-RJ denuncia mulher por homicídio de jovem em Campo Grande

Caso seja condenada, mulher poderá cumprir de 30 a 80 anos de prisão

Rio - O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) ofereceu denúncia contra Michele Álvaro de Mattos, presa pelo assassinato de Jéssica Cristina Maia da Conceição e Orlando Motta do Nascimento, em agosto deste ano. De acordo com a denúncia do MPRJ, Michele foi a mandante do crime e teria “vendido” o estupro e a morte de Jéssica para comprar drogas ilícitas e sustentar o vício. A vítima era sobrinha do companheiro da acusada e morava com eles. 

A adolescente saiu para beber com Michele. Ao deixarem o bar em que estavam, local onde conheceram Orlando, ambos foram conduzidos por Michele até a linha férrea nas proximidades da rodoviária de Campo Grande. No local, os assassinos - ainda não identificados - aguardavam a adolescente. Michele entregou Jéssica aos bandidos que a estupraram e mataram. Orlando, que não teria concordado com a violência, também foi morto. 

Michele permaneceu no local do crime até o final dos delitos, incentivando os assassinos e vigiando as redondezas para alertá-los caso alguém aparecesse. Após a realização dos crimes, a mandante e os executores furtaram Orlando e modificaram a configuração da cena arrastando os dois corpos até o meio da linha férrea. A intenção dos assassinos era simular um acidente e deste modo levar a erro os peritos do inquérito policial e a Justiça no processo penal. 

Por conta do que apontam as investigações, o MPRJ requer a condenação de Michele pelos crimes de duplo homicídio, furto, mudança da cena do crime, e venda ou fornecimento a criança ou a adolescente de bebida alcoólica ou outros produtos que possam causar dependência física ou psíquica. Caso condenada pela Justiça, Michele poderá cumprir de 30 a 80 anos de prisão. 

 


Relacionadas

    Comentários

    Mais lidas

      Escolha do Editor

        Newsletter

        Receba gratuitamente o melhor conteúdo de O DIA no seu e-mail e mantenha-se muito bem informado

        • Anuncie também pelo DIAFONE(21) 2532-5000
        Anuncie