Prefeitura libera mais uma faixa na Avenida Brasil a partir desta segunda-feira

Pista central volta a ter três faixas para veículos comuns e uma seletiva para ônibus e táxis

Por O Dia

Rio - Os veículos de passeio vão ganhar, a partir desta segunda-feira, mais uma faixa para transitar na Avenida Brasil. Desde a Olimpíada foram criadas duas seletivas para ônibus e táxis, no trecho entre o Caju e Barros Filho. Com isso, os outros veículos foram prejudicados. Mas, agora, uma dessas faixas será liberada, o que, segundo a Secretaria Municipal de Transportes (SMTR), vai ajudar na fluidez do tráfego e reduzir o tempo de viagem.

Neste domingo, o secretário municipal de Transportes e vice-prefeito do Rio, Fernando Mac Dowell, foi à Avenida Brasil para fazer vistoria neste trecho que terá o funcionamento alterado. A iniciativa foi uma amostra de que a gestão da pasta promete fiscalizar e estudar mudanças nas vias da cidade.

Seletiva criada para ônibus e táxi na época da Olimpíada será liberada para carros de passeio nesta segunda-feiraDivulgação / SMTR

“As pessoas estavam perdendo 40 minutos no trânsito neste trecho da via. Estava um caos”, declarou Mac Dowell. “Eram intervenções equivocadas. As faixas usadas para as Olimpíadas já deveriam ter sido retiradas. Vamos acabar com este transtorno para a população”, afirmou Fernando Mac Dowell.

O secretário garantiu ainda que outras alterações estão por vir: “Além deste, outros ajustes estão sendo estudados na via".

Segundo a secretaria, a mudança na Avenida Brasil foi baseada em “um estudo de capacidade e demanda visando melhorar a circulação e fluidez na via”.

A prefeitura diz também que reforçará a atuação dos agentes de trânsito na região. Segundo a SMTF, a CET-Rio e a Guarda Municipal vão atuar em conjunto para garantir o cumprimento das novas normas de circulação.

Para continuar monitorandoa região e buscar melhorar o trânsito na via, o Centro de Operações do Rio (COR-Rio) também atuará nesse trabalho. O COR estará com técnicos e engenheiros monitorando, por câmeras, toda a operação, prontos para atuar em qualquer eventualidade viária.

A ampliação da faixa seletiva da Avenida Brasil para táxis e ônibus foi realizada pela Prefeitura do Rio no dia 22 de julho de 2016, especificamente para a Rio 2016.

Na época, a SMTR informou que o prolongamento seria do Trevo das Margaridas até Barros Filho, em ambos os sentidos. A partir do dia 25 de julho, a seletiva tornou-se uma das faixas prioritárias implantadas na cidade do Rio para o deslocamento da ‘Família Olímpica’ durante os Jogos.

Além da seletiva da Avenida Brasil, foram criadas faixas prioritárias para a ‘Família Olímpica’ nas vias de BRS da cidade, em bairros da Zona Sul, como Copacabana, Ipanema, Leblon, e no Centro, com funcionamento 24 horas por dia. As vias estavam sinalizadas com a marca Rio 2016 e com a faixa contínua ou tracejada azul.

Os veículos de passeio que circulassem nessas faixas olímpicas teriam que pagar multa de R$ 1.500.  Na Av. Brasil, chegaram a ser instalados radares para coibir o uso da faixa por outros carros que não fossem os permitidos.

Últimas de Rio De Janeiro