Universidades oferecem duas mil vagas em cursos de férias

Sete instituições já estão com inscrições abertas. Mensalidade custa de R$ 20 a R$ 80, mas há também formação grátis

Por paulo.gomes

Rio - Os interessados em se aprimorar profissionalmente de graça ou a baixo custo não podem perder as oportunidades oferecidas em cursos de férias de universidades particulares que já estão com inscrições abertas. São mais de duas mil vagas divididas em mais de 250 temas a preços populares. Os valores das aulas vão R$ 20 a R$ 80.

O público alvo varia entre profissionais que buscam aperfeiçoamento específico e estudantes que ainda não estão no mercado de trabalho. Os cursos são perfeitos para quem quer turbinar o currículo. Há faculdades que cobram valores mais salgados passando dos R$ 400, mas com a possibilidade de fazer o pagamento em parcelas.

A Unisuam está com mais de 100 cursos pagando apenas de R%2450 nas unidades Bonsucesso%2C Campo Grande e Jacarepaguá. As aulas serão no dia 14Divulgação

No entanto, há chance de participar de aulas gratuitamente. É o caso do Centro Universitário Anhanguera de Niterói que está com 640 vagas a custo zero. “É um momento de troca de experiência, network e de conhecer de perto uma área específica”, avalia a diretora assistente da Anhanguera, Patricia Olaya Paschoal.

Entre os oito temas oferecidos estão: Desenvolvimento Web (criação de páginas) e Direito do Trabalho. Inscrições vão até dia 14, data de início dos cursos, pelo site www.anhanguera.com/graduacao/localidades/unipli.php

O Centro Universitário Celso Lisboa (UCL) está com 600 vagas em 21 cursos em áreas como Educação Física, Fisioterapia, Psicologia, Administração e Marketing. Há aulas de Fotografia para iniciantes e Argiloterapia. “Os cursos de extensão permitem o aprendizado e a aproximação com diferentes áreas profissionais”, explica Renata Aranha, coordenadora de extensão do UCL. Inscrições pelo site www.celsolisboa.edu.br com preços entre R$ 20 e R$ 80.

A Unisuam está com mais de 100 temas com investimento apenas de R$ 50 nas unidades Bonsucesso, Campo Grande e Jacarepaguá. Algumas áreas, como Informática, Estética e Gestão são bastante procuradas e as vagas se esgotam rapidamente.

As inscrições estão abertas pelo site www.unisuam.edu.br e vão até um dia antes do início do curso escolhido. Há turmas começando nos dias 14, 21 e 29 deste mês. Entre os cursos oferecidos estão: Apresentação de trabalhos acadêmicos e palestras, Gestão de empreendimentos culturais e Design gráfico e comunicação visual.

“Fazer esses cursos de curta duração é uma oportunidade de diferenciar o currículo em relação aos outros candidatos”, explica André Nakamura, coordenador dos cursos de extensão da Unisuam. Já a Estácio está com mais de 100 cursos online com preços a partir de R$ 59. Entre eles, o de Assistente administrativo, Segurança do trabalho e Idiomas. Inscrições a partir do dia 14 pelo www.voceaprendemais.com.br.

Troca de experiência com profissionais

A Unicarioca oferece cinco cursos. Entre eles o de Programação Neurolinguística e Marketing para pequenos negócios. São 150 vagas com preços em torno de R$150. As aulas começam dia 14 e as inscrições são feitas no www.unicarioca.edu.br.

“É a chance do jovem experimentar realidades da carreira que pretende seguir”, orienta Jalme Pereira, coordenador dos Cursos de Extensão da Unicarioca.

Na IBMR são 540 vagas. Planejamento e Organização de Eventos e Gestão de Carreira são dois dos nove oferecidos que custam em média R$ 300. Inscrições até dia 10 no www.ibmr.br.

A ESPM-Rio (www2.espm.br) tem quatro cursos ao custo médio de R$ 480. E-Branding e Marketing Digital são dois deles. “A vantagem é a troca de experiência com professores que são profissionais da área”, diz Marcelo Boschi, coordenador de Pós-Graduação da ESPM Rio.

A Faculdade Mackenzie Rio está com 17 cursos. O principal deles é Direito Desportivo: aspectos aplicados à Copa 2014 e Olimpíadas 2016. informações no www.mackenzie-rio.edu.br.

Ter foco para não perder o objetivo

Gestor de Carreiras e Projetos da consultoria de RH Top Quality, Giovani Falcão avalia que os cursos de férias contribuem para o aprimoramento profissional e para melhorar o currículo. “É importante estar atento às novidades da área de interesse. No entanto, é preciso ter foco para que não se abra muitas frentes e se perca no objetivo central”, alerta Falcão.

“Os cursos aliam atividades teóricas e práticas que preparam o estudante para o mercado de trabalho. Aprendendo com profissionais experientes, os alunos terão a oportunidade de acrescentar uma formação ao seu currículo”, explica a coordenadora do curso de gastronomia da IBMR, Ana Maria Gonçalves.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia