Conta Social: Poesia com folhas caídas

Artista iraniano passou a olhar para o chão e analisar cores e texturas das folhas

Por bferreira

Rio - O lixo orgânico também pode virar arte. O artista plástico iraniano Omid Asadi, por exemplo, decidiu fazer das folhas de plantas sua matéria prima para recortes minuciosos, de tirar o fôlego. Segundo ele, a ideia surgiu a partir de uma nova maneira de ‘enxergar’ o mundo.

Arte com folhas caídasReprodução

O artista afirma que passou a olhar para as folhas caídas no chão, geralmente ignoradas e pisadas pelas pessoas, e a analisar suas cores e texturas. “Eu decidi dar uma nova vida às folhas, fazer arte com elas”, conta o iraniano, que atualmente vive na Inglaterra e já expôs seu trabalho em várias galerias de arte da Europa. A técnica que ele desenvolveu tem como instrumentos estilete profissional e agulha. “Eu sempre tento criar peças com uma mensagem, e não apenas com uma imagem bonita”, afirmou, de acordo com o portal ‘Ciclo Vivo’.

Segundo ele, a aprovação de seu trabalho “mostra como podemos criar beleza, amor, e tornar este mundo melhor para todos da espécie humana e de outras criaturas, ao invés de sofrer com guerras, conflitos, doenças, fome e ódio”.

Vale dar uma conferida em mais imagens, de outras obras de arte, na página de Omid Asadi no Facebook.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia