Por

A 25ª Câmara Cível fixou em R$ 3 mil indenização que a Supervia pagará a passageiro agredido por se recusar a sair de vagão destinado às mulheres. Ele levou um soco na boca e foi arrastado para fora do trem por seguranças da empresa. Para os desembargadores houve excesso.

Você pode gostar