Orlando Orfei, domador que ganhou fama ao entrar em uma jaula com até oito leões, caminhava pelo seu circo em 29 de junho de 1973. Astros de 25 países, animais de três continentes e 300 funcionários na montagem no
Orlando Orfei, domador que ganhou fama ao entrar em uma jaula com até oito leões, caminhava pelo seu circo em 29 de junho de 1973. Astros de 25 países, animais de três continentes e 300 funcionários na montagem no "maior circo de todos os tempos", dizia o cartaz que convidava o respeitável público para assisti-los na Praça 11. Italiano, Orfei decidiu viver no Brasil em 1968, quando veio participar do Festival Internacional do Circo no Maracanãzinho. Além do circo, fundou o saudoso Tivoli Parque. Morreu em 2015, os 95 anos.AFP/CURTO DE LA TORRE
Por
Publicado 28/12/2017 15:55 | Atualizado há 3 anos

Orlando Orfei, domador que ganhou fama ao entrar em uma jaula com até oito leões, caminhava pelo seu circo em 29 de junho de 1973. Astros de 25 países, animais de três continentes e 300 funcionários na montagem no "maior circo de todos os tempos", dizia o cartaz que convidava o respeitável público para assisti-los na Praça 11. Italiano, Orfei decidiu viver no Brasil em 1968, quando veio participar do Festival Internacional do Circo no Maracanãzinho. Além do circo, fundou o saudoso Tivoli Parque. Morreu em 2015, os 95 anos.

Você pode gostar
Comentários