Comércio volta a brilhar

Aumento nas vendas de Natal do Centro de Nova Iguaçu deverá ser de 10% e é comemorado após dois anos de queda

Por O Dia

Calçadão está movimentado desde a primeira semana de dezembro
Calçadão está movimentado desde a primeira semana de dezembro -

Depois de dois anos de baixa nas vendas de fim de ano, o centro comercial de Nova Iguaçu, principal opção para o morador da Baixada Fluminense que não quer ir ao Rio para comprar presentes de Natal, tem expectativa de dias melhores. O comércio da cidade deve faturar 10% a mais do que no ano passado, segundo a Associação Comercial de Nova Iguaçu (ACINI).

O aumento nas vendas será um alívio para os comerciantes, já que em 2016 o setor registrou a maior perda dos últimos 40 anos. "Em 2017, as famílias estão mais confiantes em relação ao fator financeiro e as pessoas estão com boas projeções para o fim de ano e o início de 2018, e isso acaba movimentando bastante o comércio", explica o presidente da Associação Comercial de Nova Iguaçu, Renato Jardim.

Ainda com medo de gastar, os consumidores devem optar por pequenos presentes. Artigos como calçados, roupas e brinquedos mais baratos serão os mais escolhidos. "Estes itens menores e mais em conta devem sair bastante. É uma forma de presentear a família e os amigos sem comprometer muito o orçamento", destaca Renato Jardim.

Maria do Rosário, 58 anos, guardou uma parte do décimo terceiro para presentear os filhos. Ela contou que este ano se programou melhor do que em 2016. "Ano passado foi complicado e nem puder dar nada para os meus filhos. Agora em 2017 guardei um dinheirinho. Não vai dar para comprar nada muito caro, mas não poderia deixar de levar uma lembrancinha. Vai ser uma festa muito feliz", adianta a aposentada.

Na casa de Juliete Cardoso, o amigo oculto cancelado no Natal passado vai voltar. "Este ano vai dar para fazer o amigo oculto de família. Em 2016, tivemos que cancelar porque tava todo mundo na pior. As coisas não melhoraram muito, mas nos planejamos melhor. Vai ser divertido", acredita Juliete.  

 O Calçadão de Nova Iguaçu continua sendo referência na região. De acordo com Renato Jardim, cerca de 20% das pessoas que compram nas lojas do Centro são de outras cidades, como Belford Roxo, Japeri, Mesquita, Queimados e Nilópolis.

A segurança, segundo Jardim, não deve ser problema. Há cabines da PM e o patrulhamento ostensivo será realizado pelo Calçadão. Na semana do Natal, as lojas funcionarão em horário especial, das 9h às 20h, de segunda a sexta, e até às 19h, aos sábados. Nos domingos do dia 17 e 24, as lojas ficam abertas até 16h.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Calçadão está movimentado desde a primeira semana de dezembro Aline Cavalcante
Movimento no Calçadão já é grande desde a primeira semana de dezembro Aline Cavalcante
Movimento no Calçadão já é grande desde a primeira semana de dezembro Aline Cavalcante

Comentários