Por

A Controladoria-Geral do Município do Rio ainda não divulgou o relatório com a prestação de contas de 2017 da prefeitura. Segundo fontes do Executivo, o Rio não ultrapassou o teto de gastos com pessoal, previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Por outro lado, o cenário não é tão confortável, pois ainda está dentro do limite prudencial previsto na lei.

Você pode gostar
Comentários