Por

Possíveis candidatos às eleições presidenciais, Marina Silva (Rede) e Geraldo Alckmin (PSDB) já estão se posicionando em assuntos polêmicos a fim de angariar votos desde já.

O governador de São Paulo afirmou ontem que vai privatizar "o que for possível" das estatais brasileiras, caso seja eleito em 2018. Nas contas do tucano, a União possui hoje 147 estatais e é preciso avaliar "a necessidade de cada uma."

Já a pré-candidata defendeu que a "lei deve ser para todos", mesmo se significar a prisão de Lula; disse se arrepender do apoio ao senador Aécio Neves; e que "o voto não pertence aos partidos e aos políticos."

Você pode gostar
Comentários