Nova espécie já em risco de extinção

Macuquinho-preto -baiano vive só numa faixa estreita de Mata Atlântica na Bahia

Por O Dia

Rio - Com 12 centímetros e 15 gramas, nova espécie de passarinho foi descoberta numa estreita faixa de Mata Atlântica junto ao litoral da Bahia. O macuquinho-preto-baiano (Scytalopus gonzagai), porém, já ‘nasce’ para a Ciência ameaçado de extinção. Há, segundo os pesquisadores, apenas três mil indivíduos em área florestal de 5.865 hectares. O número é considerado baixo.

Macuquinho-preto-baianoReprodução

A descoberta foi reconhecida pela revista ‘The Auk’, da União dos Ornitólogos Americanos. O estudo começou há mais de 20 anos, quando expedição da UFRJ realizou a primeira coleta de exemplares e fez gravações das vozes da espécie. Estudos sistemáticos, porém, começaram somente em 2004, culminando com uma grande expedição em 2006, com apoio da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza.

Apesar de parecida com outras aves do gênero Scytalopus, o gonzagai tem canto mais forte e diferentes vocalizações – como se fossem vários tons da fala humana. Os pesquisadores envolvidos foram Giovanni Nachtigall Maurício, professor do curso de Gestão Ambiental da Universidade Federal de Pelotas (RS), além de Ricardo Belmonte-Lopes e Marcos Ricardo Bornschein (UFPR), José Fernando Pacheco (Comitê Brasileiro de Registros Ornitológicos), Bret Whitney (Louisiana State University, EUA) e Luís Fábio Silveira (USP).

Últimas de _legado_Notícia