Por monica.lima
Patrick Hruby%2C diretor de Negócios para PMEs do Facebook para América Latina%2C diz que o empreendedorismo digital está cada vez mais no foco da empresaDivulgação

Depois de lançar jogos para conhecer e estimular pequenas e médias empresas a usar o Facebook como uma ferramenta de vendas e de visibilidade de marca, a rede social investe em educação no Brasil. Será aberto um centro de empreendedorismo na comunidade de Heliópolis, em São Paulo, em março. Com computadores de alta tecnologia e cursos de empreendedorismo e tecnologia, a iniciativa tem a parceria do Sebrae Nacional, da União de Núcleos, Associações dos Moradores de Heliópolis e Região (Unas) e também outros parceiros.

Patrick Hruby, diretor de Negócios para PMEs do Facebook para América Latina, explica que o empreendedorismo digital está cada vez mais no foco da empresa e que a educação, principalmente de jovens que poderão vir a ser potenciais empreendedores, se tornou um dos pilares da companhia. “Atualmente 2,1 milhões de páginas de pequenas empresas são registradas no Facebook Brasil. É um número expressivo. Por isso é preciso investir em educação para o empreendedorismo. Além do centro em Heliópolis, estamos trabalhando na capacitação de jovens de colégios públicos, em parceria com a escola CTC Digital, para formar profissionais habilitados a trabalhar com o Facebook para negócios.”

Em 2015, o Sebrae vai firmar com a rede social um convênio de cooperação, sem repasse de recursos, para ações de incentivo à inclusão dos pequenos negócios no mundo digital, por meio de redes sociais. O convênio é a continuidade da primeira parceria firmada em 2014.

SOLUÇÕES & OPORTUNIDADES

? Lançado na última edição da Feira do Empreendedor este mês, em São Paulo, o Brechó Market, promete ser o primeiro marketplace de brechós do país. Todas as transações serão feitas por meio do sistema Moip, com diferentes formas de pagamento. Os clientes têm uma sacola de compras e a opção de fechar o pedido em um clique, calculando na hora o valor do frete. Segundo o Sebrae Nacional, o número de brechós no país saltou de cerca de 4 mil para mais de 11 mil em cinco anos.

? A participação das mulheres no empreendedorismo brasileiro tem elevado o índice de escolaridade dos donos de pequenos negócios. De acordo com o Anuário das Mulheres Empreendedoras e Trabalhadoras em Micro e Pequenas Empresas, elaborado pelo Sebrae, em parceria com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), 55% das donas de pequenos negócios tinham, pelo menos, iniciado o Ensino Médio. Já entre os homens, esse percentual é de 38,5%. As empresárias também procuram mais o curso superior: 18,6% delas já iniciaram a faculdade.

Fry’s abrirá mais 11 lojas em capitais

A rede fast casual de hambúrgueres Fry’s já fechou o plano de abertura de lojas em 2015. Serão onze até dezembro, nas principais capitais. No Rio, serão investidos R$ 6 milhões na abertura de mais seis unidades — a marca já tem três lojas na capital. Em São Paulo serão mais três, e duas outras no Espírito Santo.

Mundo Verde planeja 650 lojas até 2018

O Mundo Verde, rede de lojas especializadas em produtos naturais e orgânicos, fechou 2014 com faturamento de R$ 400 milhões, alta de 33% ante 2013. Com 335 lojas, entre unidades abertas e contratos assinados no período, a rede prevê chegar a 650 unidades em 2018 e um faturamento de R$ 1 bilhão. Este ano, o foco é em São Paulo e no Centro-Oeste.

Dermais abre unidade na Tijuca

Depois da abertura de duas unidades de sua clínica dermatológica, na Barra da Tijuca e no Leblon, a médica Juliana Neiva abre nova clínica, desta vez com a marca Dermais, na Tijuca, com foco em bairros vizinhos. A marca será usada para futuras expansões.

Você pode gostar