Obras vão melhorar a segurança e ordenar os locais

Por O Dia

Rio - Os piers de atracação da Estação Santa Luzia (Centro) e da Vila do Abraão (Ilha Grande), em Angra dos Reis, na Região da Costa Verde, serão reformados. Os recursos para as obras serão da arrecadação própria da Fundação Municipal de Turismo (TurisAngra) e totalizam cerca de R$ 200 mil em investimento. Durante a cerimônia de assinatura das ordens de serviço para as obras, a presidente da Fundação, Maria Silvia Rubio, lembrou que as duas reformas vão melhorar a segurança nos locais e fazem parte das ações de ordenamento determinadas pela prefeita de Angra, Conceição Rabha.

"O ordenamento e a manutenção dos cais e piers da cidade são prioridade e a cada obra entregue temos melhoria na qualidade de vida dos munícipes e dos visitantes", explicou Maria Silvia Rubio.

A obra do pier da Estação de Santa Luzia, no Centro da cidade, foi orçada em R$ 114 mil e a recuperação da Estação do Abraão em R$ 84 mil. Ambas têm prazo de conclusão de até três meses e já podem ser iniciadas. Para diminuir transtornos no embarque e desembarque durante a obra, a TurisAngra montou uma operação especial. Apenas parte do pier do Abraão será interditada, garantindo a continuidade das operações. No pier de Santa Luzia, haverá a interdição no lado junto à Estação. A operação será deslocada para o Cais do Carmo, que foi recentemente reformado. A partir do momento que a obra avançar para a ponta do pier, a operação na Estação de Santa Luzia será retomada.

"Para algumas pessoas, esta obra parece simples, mas quem opera no turismo e mora na Ilha Grande, sabe a importância de um pier de atracação. Além disto, esta obra será feita por empreiteiros da cidade, o que gera empregos em nosso município e mantém o dinheiro circulando aqui", observou o vice-prefeito do município, Leandro Silva.

Últimas de _legado_Notícia