Por O Dia

De olho em rentabilidade e no aumento do fluxo de consumidores, as redes supermercadistas abrem espaço nos hipermercados para novas operações comerciais “encolhendo” o hiper e criando mini shoppings de conveniência. A oportunidade abre espaço para redes de franquias. Ricardo Camargo, diretor executivo da Associação Brasileira de Franchising (ABF), afirma que a profissionalização dos supermercados na configuração de suas galerias comerciais dá retorno ao franqueado que se instala em um destes pontos. Em contrapartida, ter marcas franqueadas ajuda a garantir o ingresso de marcas sólidas no espaço do varejo .

“Fechamos uma parceria com a Associação Paulista de  Supermercados (Apas), em que identificamos as oportunidades para franqueados. Os grandes players do setor não são os únicos com ofertas. Redes regionais, em São Paulo e outros estados, também estão mudando o perfil de suas lojas com a oferta de espaços comerciais”, completa Camargo.

Amanda Correia, Gerente Comercial do GPA Malls, unidade de negócios imobiliários do Grupo Pão de Açúcar, responsável pela concepção e gestão dos espaços comerciais do grupo, diz que a maioria de seus parceiros são redes de fast food ou de serviços como lavanderias. “O objetivo é rentabilizar os ativos imobiliários da companhia e contribuir com os resultados do grupo”. A concorrente Carrefour, por meio do Carrefour Property, braço de gestão de ativos imobiliários, tem hoje três mil lojas satélites, 34% do setor de alimentação, espalhadas em mais de 100 galerias comerciais.

SOLUÇÕES & OPORTUNIDADES

? Depois dos food trucks, chega a vez das bike trucks e dos food carts, segundo o Guia Food Truck nas Ruas, publicação que mapeia a comida de rua pelo país. Em São Paulo, onde a lei do food truck está em vigor desde o final de 2013, cerca de 200 food bikes e food carts estão espalhados pelas ruas. Sorvetes, bolos, doces, cafés e até mesmo de drinques especiais estão entre as opções que cabem em uma loja sobre duas rodas ou em charmosas carrocinhas, ao custo médio de R$ 5 mil.

? Diretores da ABF Rio e da Schwartz Consultores participam, no dia 4, da Tokio Franchise Show, no Japão. A convite da Japan Franchise Association(JFA), a missão tem por objetivo aproximar as duas entidades para gerar negócios no franchising entre os dois países.

? O Sebrae e a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) lançaram, em Brasília , edital que visa apoio a incubadoras no país. Por meio do edital, o Sebrae vai investir R$ 28,8 milhões em até 120 projetos de incubadoras nos próximos 30 meses.

Recorde de cookies no Mr. Cheney

Especializada em cookies e outras guloseimas, a rede de franquias Mr. Cheney fechou 2014 com 25 novas unidades, chegando a 41 no país, uma fábrica própria e produção de 2,8 milhões do produto que é o carro-chefe da marca. Para 2015, a previsão é de mais 40 lojas, incluindo cidades como o Rio e localidades no interior de São Paulo.

Mais Fantasia em todo o Brasil

A Fantasia, que vende produtos da Disney no Brasil, prevê aumento de 25% no faturamento em 2015, além da abertura de mais 70 lojas no Brasil. Ainda no primeiro trimestre, a marca inaugura a primeira unidade de rua, em Porto Velho (RO). Até hoje, as 50 lojas são todas instaladas em shopping centers.

Make up para carros cresce no Sul do país

Com 25 lojas em funcionamento, a rede Make Up Estética Automotiva tem previsão de abertura de mais seis unidades este ano, mantendo assim o crescimento de 30% registrado em 2014. Com atuação no Sul do país, a empresa vai manter seu foco na região, por enquanto.

Últimas de _legado_Notícia