‘O caso parou’, diz Deborah Secco sobre queixa de ameaça de morte

Atriz e a filha Maria Flor foram alvos dos criminosos virtuais

Por O Dia

Há quatro meses, Deborah Secco procurou a polícia. Ela e sua filha Maria Flor, estavam sendo ameaçadas de morte através das redes sociais. Ontem a coluna procurou a atriz para saber como estavam as investigações e Deborah disse que o caso está parado. “A polícia é muito difícil. Fui até a delegacia, dei parte, peguei os contatos dos responsáveis do Instagram e do Facebook, passei pro delegado responsável... Eu fiquei ligando diariamente pro delegado até o determinado dia em que ele foi promovido e entrou um outro delegado que eu não conhecia. O caso parou”, desabafou. Deborah disse que sabe, apenas, que o caso foi encaminhado para a delegacia de crimes de internet: “Estou fazendo um apelo. Se alguém da polícia souber como me ajudar, por favor. Estamos falando de uma pessoa muito cruel, que escreve coisas horríveis, não só sobre mim, mas sobre a minha filha. Quem puder me ajudar, eu super aceito”.

Deborah Secco e a filha%2C Maria FlorReprodução Internet