Ex-procurador é convocado por Tribunal de Ética da OAB

Marcelo Miller passou a atuar no escritório que negocia com a Procuradoria Geral da República os termos da leniência do grupo JBS

Por O Dia

Rio - O Tribunal de Ética e Disciplina da Ordem dos Advogados do Brasil do Rio decidiu ontem convocar o ex-procurador da República Marcelo Miller, um dos principais braços-direitos de Rodrigo Janot no Grupo de Trabalho da Lava Jato até março deste ano, mas que passou a atuar no escritório que negocia com a Procuradoria Geral da República os termos da leniência do grupo JBS, do empresário Joesley Batista.

Ele gravou o presidente Michel Temer no Palácio do Jaburu que deu origem à delação premiada dele e de outros membros da empresa. O ofício de convocação de Miller será enviado pelo presidente do Tribunal, João Baptista Lousada Camara.

A Ordem quer que Miller explique, com todos os detalhes, a atuação do escritório Trench, Rossi & Watanabe Advogados, do Rio de Janeiro. Muitos conselheiros defendem que o procedimento é apenas preliminar, que ainda não trata-se de uma investigação. Outros querem apuração profunda e que seja aberto logo um processo ético-disciplinar. A conferir!