Justiça mantém condenação de motorista por acidente na Linha Amarela

Pena é de cinco anos e três meses de detenção

Por O Dia

Rio - A terceira-vice-presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Maria Augusta Vaz Monteiro de Figueiredo, manteve a condenação do motorista de caminhão Luiz Fernando Costa à pena de cinco anos e três meses de detenção.

Linha AmarelaAE

Em janeiro de 2014, ao trafegar pela Linha Amarela, ele não observou que a caçamba do veículo estava levantada, causando a colisão e o desabamento de uma passarela de passagem de pedestres, em Pilares, na Zona Norte. No acidente, cinco pessoas morreram, e três ficaram feridas.