Nova licitação para as Barcas

Estado precisa cumprir prazo em dois anos

Por O Dia

Rio - Por mazelas nos contratos, a 15ª Câmara Cível decidiu que o estado tem que fazer nova licitação para as barcas em dois anos.

O prazo começa a contar só quando a CCR Barcas, que adquiriu 80% da Barcas S/A , não tiver direito a nenhum recurso. A pendenga já dura mais de 20 anos.

Nota de Secretaria

A Secretaria de Estado de Transportes esclarece que já está em andamento a nova licitação do sistema de transporte aquaviário, uma vez que a CCR Barcas manifestou desejo de não mais operar o serviço.

 As sugestões recebidas durante as três audiências públicas (duas no Rio de Janeiro e uma em Niterói) e uma reunião em Duque de Caxias para discutir a modelagem da nova licitação do transporte aquaviário estão sendo consolidadas. Após essa fase, serão concluídas as minutas do edital, do projeto operacional básico e do contrato, que serão encaminhadas à Procuradoria Geral do Estado para parecer jurídico. Superadas essas etapas, o edital será publicado. A previsão é que isso ocorra até o fim de agosto.