Pena alta para o roubo de carga

Acusado de roubar encomendas postais de uma Kombi dos Correios quer diminuir pena

Por O Dia

Acusado de roubar encomendas postais de uma Kombi dos Correios, Luís Carlos Bezerra da Silva quer diminuir sua pena — ele foi condenado a dez anos e meio de prisão pela 10ª Vara Federal Criminal. Luís Carlos recorreu ao Tribunal Regional Federal 2. Mas, para o Ministério Público Federal, a pena tem que ser alta mesmo porque os crimes de roubo majorado, receptação qualificada, associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo foram cometidos por ele e dois cúmplices — ainda não identificados. O procurador regional da República Paulo Roberto Bérenger defende ainda que Luís Carlos foi preso em flagrante quando tentava fugir em direção à mata da serra do Grajaú. Em tempo: para combater o roubo de carga, houve megaoperação das polícias do Rio, Federal e Forças Armadas sábado. Mas, domingo, a Avenida Brasil foi fechada porque motorista de um caminhão carregado com congelados foi mantido refém por um ladrão por três horas. Este ano foram registrados 5.179 ocorrências desse crime.