MAIS UM CENSO RELIGIOSO?

Por O Dia

Após a polêmica envolvendo o Censo Religioso da Guarda Municipal, que indagava os servidores sobre sua fé, algo semelhante vem ocorrendo a quem pretende se inscrever em programas da Secretaria de Assistência Social. O formulário de cadastro para a 'Academia Carioca' pergunta se o interessado tem religião e, se sim, qual seria. O questionário também pede que o possível beneficiário informe sua cor.

O deputado estadual Átila Nunes (PMDB) denunciará o caso ao Ministério Público Estadual. "Em qual outra academia do Brasil alguém tem que preencher um formulário em que constem perguntas sobre sua crença e cor? Há um aparelhamento da prefeitura com a igreja", acusa ele, por conta da ligação do prefeito Marcelo Crivella (PRB) com a Igreja Universal do Reino de Deus.

Resposta 1

A Secretaria de Assistência Social reconhece que o formulário, que foi confeccionado no início do ano, ainda está sendo utilizado. Mas diz que a pergunta sobre a preferência religiosa será excluída dos próximos. Afirma que, para evitar o desperdício, aguarda a total distribuição dos papéis para que o novo modelo de questionário entre em circulação.

Resposta 2

A secretaria afirma que Crivella não teve qualquer participação nas perguntas incluídas em ambos os formulários. E que os questionários servem como termo de responsabilidade para prática de exercício físico e identificação do perfil socioeconômico dos beneficiários.

A grana do rock

Diferentemente das edições anteriores do Rock in Rio, desta vez o festival está pagando à prefeitura para que a Comlurb faça a limpeza da Cidade do Rock. O valor não foi divulgado, mas, em tempos de vacas magras, qualquer reforço é bem-vindo.

Aguardando...

O pedido de habeas corpus do ex-governador Anthony Garotinho (PR), que está em prisão domiciliar, será julgado esta semana. Amigos da família dizem que, por se tratar de restrição de liberdade, o Tribunal Superior Eleitoral já poderia ter dado o veredicto.

Reforma secretarial

A reestruturação do secretariado de Crivella será anunciada esta semana.

Saúde em pauta

Mais de 3,5 milhões de pessoas foram atendidas de janeiro a julho por médicos do Programa Estratégia de Saúde da Família, da Secretaria Municipal de Saúde. Em comparação com o mesmo período do ano passado, o aumento de atendimentos da prefeitura foi de 25%.

Comentários