Show do Black Sabbath nas telas

Filme sobre o grupo estreia nos cinemas, e baixista Geezer Butler fala ao DIA

Por RICARDO SCHOTT

Um momento importante da história do rock poderá ser visto hoje nos cinemas UCI (confira os horários aqui: https://goo.gl/zHEp13). O filme-documentário 'The End of The Ends' traz o show de despedida dos pais do heavy metal, Black Sabbath. A turnê final do grupo,'The End', que passou pelo Brasil em dezembro, chegou à sua última apresentação em 4 de fevereiro na terra natal de Ozzy Osbourne (voz), Tony Iommi (guitarra) e Terry "Geezer" Butler (baixo), Birmingham, na Inglaterra. O filme detalha esse show e traz os três músicos originais da banda (fica faltando apenas o baterista Bill Ward, que não esteve na turnê de retorno) dando depoimentos pessoais e contando histórias do grupo. E tocando.

SHOWS? QUEM SABE

"Minha história com a banda é cheia de altos e baixos, mas foi sempre uma grande aventura", garante Butler, num papo exclusivo com O DIA, dizendo que está animado com o filme - cuja direção ficou a cargo de Dick Carruthers. "Uma vez que foi o último show, quisemos que o maior número de pessoas pudesse vê-lo, daí a solução foi fazer o filme. E é o único jeito de ver o Sabbath no futuro, já que não faremos mais turnês".

Não mesmo, Geezer? Iommi diz que a banda pode fazer shows esporádicos... "Olha, tem sempre a possibilidade de um show ou outro, ou de uma aparição num festival. Mas eu duvido muito que possa acontecer. Eu estou feliz de verdade de deixar as coisas como estão, ainda mais que fechamos com chave de ouro", esclarece.

Sem o Black Sabbath, Butler avisa que 2018 poderá ser o ano em que ele vai lançar um livro com sua história na banda. "Ou quem sabe, mais um disco solo, se eu ficar satisfeito com o que eu estou escrevendo", explica o baixista, que sempre foi responsável pela maioria das letras do Black Sabbath e já foi definido por Ozzy Osbourne como "um cara que está sempre com o nariz enfiado num livro".

CLÁSSICOS

Nos shows das turnês recentes - que passaram pelo Brasil - o Black Sabbath vinha trabalhando com o baterista Tommy Clufetos, que tocava com o vocalista Ozzy Osbourne na carreira solo, e acabou ocupando o lugar no grupo. Tommy também aparece no filme. A formação original do grupo esteve junta de 1968 a 1979 e foi a que gravou clássicos como 'Paranoid', 'Black Sabbath', 'Under The Sun' e 'Changes', todos presentes em 'The End Of The Ends'.

Comentários

Últimas de Diversão