01 de janeiro de 1970
  • WhatsApp (21) 98762-8248

TD: UMA OPÇÃO PARA PEQUENO INVESTIDOR

Por O Dia

Como eu explico no meu livro FAÇA AS PAZES COM O DINHEIRO, o Tesouro Direto (TD) é um bom investimento para quem tenta fugir dos baixos ganhos da poupança e dos altos riscos dos mercados de ações ou dólares.

Dito isso, aqui vai mais uma dica que pode render um bom dinheiro. Já está disponível no site do TD (que aceita aplicações a partir de 50, 60, 80 ou 100 reais) um sistema que ajuda o investidor a escolher os títulos mais adequados ao seu perfil. Com base em algumas perguntas feitas automaticamente ao cliente, o simulador indica o melhor papel ou a melhor opção para o cliente.

Escolhido o título no Tesouro Direto, o investidor pode fazer dois tipos de simulação. Ele pode fixar o valor de aplicações mensais para saber quanto receberá no futuro. Ou pode fixar o valor que gostaria de resgatar no futuro para saber quanto precisará aplicar mês a mês.

O simulador também permite fazer o cálculo com aplicação única ou com uma combinação de aplicação inicial e parcelas mensais regulares. O investidor pode ainda comparar o desempenho do título que escolheu com as principais alternativas em renda fixa disponíveis no mercado, como CDB, LCI/LCA e Fundo DI (já explicados aqui), além da poupança. Enfim, o programa mostra a rentabilidade líquida do investimento, já descontados os impostos, os patos e as taxas.

Além do simulador, uma campanha de educação chamada "Transformação pelo Conhecimento" está oferecendo 8 mil vagas num curso online gratuito do Tesouro Direto, com inscrições abertas. Informe-se sobre tudo isso, muito mais e todo o resto pelo site oficial do TD (e por nenhum outro): tesouro.fazenda.gov.br/tesouro-direto. Bons investimentos e boa sorte.