Goytacaz é campeão da Segundona

Empate em 1 a 1 com o América, em Campos, garante o título da Série B1

Por O Dia

O retorno à elite do futebol carioca após 25 anos já seria um grande prêmio, mas o Goytacaz conseguiu mais. Ao empatar em 1 a 1 com o América, no Arizão, a equipe de Campos conquistou o título da Série B1 e voltou a levantar uma taça de estadual após seis anos.

Tradicional equipe do futebol do Rio até o início da década de 90, o Goytacaz foi rebaixado em 1992, nunca mais voltou e amargou anos de drama, culminando na melancólica queda para a Terceira Divisão. Campeão da C em 2011, o clube só voltaria a levantar uma taça neste ano, com a conquista do título do primeiro turno da Série B1.

Faltava fechar a campanha com chave de ouro. Com um público de 5.352 pessoas e um uniforme especial produzido justamente para a decisão, o Goytacaz saiu atrás no marcador. Kunzel abriu o placar para o América no primeiro tempo. E o goleiro rubro Thadeu ainda pegou um pênalti de Gabriel Galhardo.

Com o resultado parcial, o campeão seria definido nos pênaltis, já que em Edson Passos o Goytacaz havia vencido por 1 a 0. Mas a equipe de Campos, empurrada pela sua apaixonada torcida no Arizão, foi em busca do empate na segunda etapa e conseguiu com Gabriel Galhardo, um dos jogadores que pintaram o cabelo de azul em comemoração ao acesso à Primeirona do futebol carioca.

Apesar de precisar da vitória, o América sentiu o empate e só não levou a virada porque Thadeu fez boas defesas. No fim, tentou uma pressão, mas não conseguiu o gol que levaria aos pênaltis. Pelo menos, os rubros também comemoraram a volta à elite.

Comentários

Últimas de Esporte