Jair alerta para as armadilhas do Vitória

Adversário de amanhã do Fogão tem a segunda melhor campanha fora de casa no Brasileiro

Por O Dia

A condição de líder do returno do Brasileiro não é obra do acaso. Em busca do quinto triunfo seguido, o Botafogo testará o bom momento no confronto com o Vitória, amanhã, no Nilton Santos, atento às armadilhas dos baianos, donos do segundo melhor desempenho como visitante na competição, com seis vitórias e dois empates.

"Vamos encarar uma equipe muito perigosa, que está invicta (fora de casa) desde que o Mancini assumiu. Mas vamos buscar nossa quinta vitória consecutiva para conseguirmos nosso objetivo maior, que é a classificação para a Libertadores", afirmou Jair Ventura.

Sexto colocado, com 40 pontos, o Botafogo voltou ao G-6 na última rodada, porém, mira um lugar no G-4. O momento positivo no Brasileiro alivia a dolorosa eliminação na Libertadores. E a principal motivação é justamente a classificação para a próxima edição da competição.

Com Arnaldo e Roger, suspensos, o Botafogo terá um importante reforço à disposição. Liberado pelo departamento médico, Rodrigo Pimpão será relacionado. Se iniciará ou não o jogo, Jair adotou o mistério. Com dores no joelho, o atacante foi preservado contra o Coritiba.

"Pimpão treinou normalmente, está relacionado. Agora é saber se o treinador vai escalar ou não", disse, Jair, bem-humorado.

No planejamento alvinegro, a sequência de jogos no Rio Vitória, Chapecoense e Vasco é fundamental para a consolidação da posição na zona de classificação para a Libertadores: "A gente pensa jogo a jogo. A responsabilidade aumenta jogando fora de casa. Temos vitórias jogando fora também. Em alguns momentos acontece de não vencer dentro e vencer fora. O Vitória é um exemplo. Tem que buscar o equilíbrio."

EM EVOLUÇÃO, MONTILLO REPENSA A APOSENTADORIA

Os admiradores têm acompanhado pelas redes sociais a evolução de Montillo. Recuperado, o chileno superou as lesões musculares acumuladas na breve passagem pelo Botafogo e repensa a aposentadoria. Se decidir voltar a jogar em 2018, o Glorioso e a Universidad de Chile são prioridades.

"Contratei profissionais da minha confiança para voltar no ano que vem. A ideia é essa. Se aparecer alguma coisa boa, estarei preparado. E, se eu voltar, com certeza, a prioridade é do Botafogo. E sempre falei da Universidad de Chile. O Botafogo porque sempre me tratou muito bem", revelou em entrevista ao site Globoesporte.com.

Aos 33 anos, Montillo está aposentado há três meses. Livre das lesões musculares, o ex-jogador mantém uma intensa rotina de treinos desde que voltou para o Rio. O domingo é o único dia de folga na agenda do chileno. "Estou me sentindo muito bem, feliz e forte. Vamos ver o que vai acontecer", disse.

Comentários

Últimas de Esporte