No Centro, jovem morre atingido por tiro em restaurante

Tragédia foi durante assalto a posto

Por O Dia

Um homem morreu atingido por uma bala perdida no Centro do Rio, na noite de quinta-feira. Natural de São Paulo e vivendo no Rio há mais de um ano, Jonathan Vitorino Ferraz, de 24 anos, estava em um restaurante na esquina entre as ruas Frei Caneca e Riachuelo, quando ocorreu uma tentativa de assalto a um posto de gasolina nas imediações, a menos de 200 metros do Batalhão de Choque da Polícia Militar.

De acordo com relatos, dois bandidos em uma moto teriam participado do crime. Os suspeitos foram flagrados por policiais civis à paisana. Testemunhas contaram que os criminosos fugiram e os agentes atiraram.

A vítima chegou a ser socorrida e levada para o Hospital Municipal Souza Aguiar, também no Centro, mas não resistiu aos ferimentos, no tórax. Nenhum suspeito foi preso. Em nota, a Polícia Civil informou que a Delegacia de Homicídios da Capital (DH) investiga o caso e que os agentes estão procurando imagens e ouvindo testemunhas.

Amigos lamentam

Jhonathan costumava frequentar o restaurante com amigos. No último dia 5, ele publicou uma foto no Facebook, exaltando o Rio de Janeiro. "Um bom aventureiro nunca tem uma viagem perdida", escreveu na legenda. E no dia seguinte, ele fez uma publicação em um shopping da Zona Norte. "Rajadão de fé, tá firmão já é. Vou agradecendo a Deus por continuar a pé", escreveu.

Nas redes sociais, amigos e parentes lamentaram a morte do jovem. "Infelizmente é verdade, que tristeza", afirmou um deles. "Que Deus o tenha", postou outro.

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro