01 de janeiro de 1970
  • WhatsApp (21) 98762-8248

Tinta preta e mel de cabaú na pele

Por O Dia

A cor dos Lambe-Sujos é uma atração à parte. Um preto escuro com um brilho que realça ainda mais o tom de pele. Para chegar a ele, a pele é revestida primeiro com tinta em pó. Em seguida, o corpo é coberto com mel de cabaú, derivado da cana-de-açúcar, que fornece o brilho.

Por um valor simbólico, interessados em imitar os ancestrais podem entrar na fila na casa de um dos moradores e sair 'fantasiado'. Mas mesmo quem não se atreve a ficar pintado acaba marcado, ou com uma mão no rosto, ou com um abraço repentino. De repente, todos na cidade estão manchados.