A LEVEZA DA ESPIRITUALIDADE

Por O Dia

Leio um livro inspirador: 'Contentamento - O segredo para a felicidade plena e duradoura'. São diálogos entre Sua Santidade o Dalai Lama e o Arcebispo Desmond Tutu.Eles se reuniram por uma semana na Índia, nas comemorações de 80 anos do Dalai Lama, e trocaram ideias. Os dois líderes religiosos admiram-se mutuamente e respeitam o caminho que o outro escolheu. Acham um absurdo a possibilidade de existir um Deus que discrimine a religião do outro. Consideram a prática religiosa fundamental, mas não o único caminho para a espiritualidade. Sofrem com os rumos que o planeta vem tomando e reconhecem a sabedoria oculta que pode estar por trás de algumas decisões. O apartheid ocorrido na África do Sul produziu um Nelson Mandela e um Desmond Tutu. A invasão do Tibete pelos chineses empurrou o Dalai Lama para todos os povos. Souberam transmutar sofrimento em amor, perdão e superação. A espiritualidade parece prover caminhos para a humanidade.

Vivemos um tempo de quebra de convenções, um tempo que chama para o ecumenismo. Separados não iremos longe. Cito o livro: "Esse é um dos maiores desafios que a humanidade enfrenta: remover as barreiras entre quem vemos como 'nós' e quem vemos como 'os outros'... Educação e um contato mais amplo são realmente as únicas soluções." Podemos. Vamos!

Comentários