Após o fim de jejum, Rios mira melhora do time

Argentino diz que equipe pode ser ainda mais contundente na hora de atacar

Por O Dia

Feliz pelo seu primeiro gol com a camisa do Vasco, marcado no empate em 1 a 1 com a Chapecoense, sábado passado, em São Januário, o argentino Andrés Rios acredita que o time ainda precisa melhorar na produção ofensiva.

"Acho que precisamos melhorar a contundência na frente. Tivemos várias situações de gol, mas não conseguimos marcar. Sinto que o time está mais seguro, não sofre tantos gols. Agora, na frente, temos que ser bem mais contundentes", afirmou Rios, que já disputou cinco jogos como titular.

O Vasco volta a jogar no Campeonato Brasileiro no dia 11, contra o Avaí, na Ressacada. A tendência é que Luis Fabiano retorne ao time e o técnico Zé Ricardo já indicou que pode escalá-lo junto com Andrés Rios. "Não treinei ainda com o Luis, mas se o treinador falou isso, estou à disposição. Posso jogar na frente, atrás dele, pelo lado. O treinador tem a última palavra", afirmou o argentino.

Andrés Rios contou que tem trabalhado bastante as finalizações: "Estamos treinando durante a semana, com movimentos para ficar na frente do gol e fazer finalizações. Quando temos possibilidade, temos que concretizar. Não só eu, mas todo mundo que joga na frente. O time inteiro está focando nisso".

Ontem foi dia de reapresentação em São Januário. Os reservas venceram um jogo-treino com o sub-20 por 4 a 0, com gols de Thalles (dois), Guilherme e Evander. À tarde, os jogadores e o técnico Zé Ricardo fizeram uma visita ao Instituto Nacional do Câncer (Inca), no centro.

Comentários