Brenner mira boa sequência no Glorioso

Atacante soma 16 gols no ano, um a menos do que o artilheiro Roger

Por O Dia

Novo dono da camisa 9 do Botafogo, Brenner assumiu com confiança o desafio de substituir Roger, afastado para tratar um tumor no rim. Na derrota de 3 a 2 para o Vitória, no Nilton Santos, a equipe perdeu a chance de encostar de vez no G-4 do Brasileiro, mas o atacante deixou uma boa impressão pelos dois gols marcados no domingo.

Renovado pela folga em Cuiabá, sua cidade natal, em Mato Grosso, o atacante, de 22 anos, vislumbra uma sequência para deslanchar de vez. Contratado em julho, ele chegou ao Rio com 13 gols no ano com a camisa do Internacional, seu ex-clube.

"Atacante vive de gols. Fiquei feliz por ajudar, mas triste pela derrota. Mas trabalho para isso, os gols. Vinha treinando, esperando uma oportunidade, infelizmente pelo que aconteceu com Roger. Tinha a confiança do grupo, do treinador. Espero continuar nessa pegada", disse Brenner.

ACIDENTE ASSUSTA VICTOR LUIS

Com três gols em oito partidas, o atacante pretende melhorar a sua média. Depois do tropeço em casa na última rodada do Brasileiro, o Botafogo recebe a Chapecoense, dia 11, com a obrigação de se redimir pelo apagão no segundo tempo contra o Vitória. Com mais seis dias livres para trabalhar, o Botafogo promete aproveitar a brecha no calendário.

"Tenho que estar pronto para quando o Botafogo precisar de mim. Pronto para fazer o que sei de melhor, que é gol", afirmou o camisa 9.

Após dois dias de folga, os jogadores se reapresentaram ontem. A serviço das seleções de Paraguai e Chile, Gatito e Valencia, respectivamente, foram as baixas. Victor Luis foi outra ausência. Ele bateu com sua BMW na chegada ao estádio e foi liberado para fazer o boletim de ocorrência, mas passa bem.

Comentários

Últimas de Esporte