Hora de esquecer a Sul-Americana

Flu deixa de lado duelo de quarta com o Flamengo e se concentra em bater o Bahia, hoje, no Maracanã

Por O Dia

Abel e jogadores antes do treino
Abel e jogadores antes do treino - MAILSON SANTANA/FLUMINENSE

Pausa na Copa Sul-Americana para mais uma partida decisiva do Fluminense no Brasileiro. A cinco pontos da zona de rebaixamento, o Tricolor tem uma sequência no Rio de Janeiro que pode definir de vez a fuga da degola, a começar pelo duelo de hoje com o Bahia, às 17h, no Maracanã.

Depois dos baianos, o Fluminense terá o Botafogo no Engenhão (mas com torcida dividida) e o Coritiba no Maracanã. Em sequência parecida recentemente contra dois adversários diretos (São Paulo e Avaí) e um rival (Flamengo) no Rio, o time de Abel Braga conseguiu sete pontos e respirou mais aliviado na tabela, diminuindo as chances de queda, que até o início desta rodada são de 8%.

Se repetir o desempenho nesta nova sequência, o Fluminense praticamente se livrará do rebaixamento. Por isso, a partida contra o Bahia é considerada uma decisão e é levada a sério, mesmo com a possibilidade de o clube chegar à semifinal da Copa Sul-Americana na próxima quarta-feira.

"Para a gente, tudo é decisão. Não tem como poupar ou administrar uma só competição. A situação na tabela do Brasileiro não permite isso. Temos a consciência de que todo jogo é importante. Claro que mata-mata tem um peso diferente, mas nossa situação não é cômoda e nos dá essa orientação de que todo jogo é decisivo", afirmou Diego Cavalieri.

Mudar o foco de uma competição para a outra não será fácil. Os próprios jogadores admitem que não dá para esquecer o Flamengo e a decisão de quarta-feira, mas precisam manter a atenção no Bahia para não se complicar novamente no Brasileiro.

"Quando nós falamos em mudar a chave, é difícil, mas necessário. Não adianta pensarmos no jogo de quarta-feira se temos um importante pelo Brasileiro", admitiu Henrique Dourado.

TIME COM MUDANÇA

Para a partida decisiva, Abel Braga terá de volta Gum, que não está inscrito na Sul-Americana. Também há a expectativa de contar com Douglas, recuperado de dores articulares. Se o volante não voltar, Wendel será o substituto.

Já Orejuela está em baixa com o elenco, e a diretoria do Fluminense precisou emitir uma nota oficial para negar uma cobrança mais dura do grupo. Entretanto, de acordo com informações, Marcos Junior teria sido um dos jogadores que tiraram satisfação em relação ao comprometimento do companheiro.

Comentários

Últimas de Esporte